Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Com a presença de Schwarzenegger, Ricardo Nort conquista o tricampeonato do Arnold Sports Festival no Mas-wrestling

No último final de semana aconteceu a Arnold Sports Festival South America, em São Paulo, com a presença do ator Arnold Schwarzenegger, nos três dias de evento. Em uma das competições realizadas, o brasileiro Ricardo Nort conquistou o tricampeonato na modalidade Mas-Wrestling, ao superar na final o chileno Manuel Ângulo, na categoria acima de 125 quilos.

Bruno Catalão
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Divulgação/Arnold South America e Divulgação/AV Assessoria de Imprensa

Ricardo Nort, que havia conquistado o Mas-Wrestling no Arnold Sports Festival por duas vezes (uma nos Estados Unidos e a outra no Brasil), faturou a terceira no evento realizado novamente no Brasil. O Mas-Wrestling é esporte de origem viking e que consiste numa disputa de dois atletas sentados um de frente para o outro, com os pés apoiados em uma placa especial. Eles tentam puxar um bastão de madeira e fazer com que o adversário passe para o seu lado.

O atleta brasileiro havia tido um bom desempenho no último mês de março na Arábia Saudita, ficando em sétimo lugar na categoria absoluto numa competição mundial que envolveu lutadores de 41 países.

“Essa minha terceira conquista do Arnold Sports Festival serviu para fechar com chave de ouro meu primeiro semestre de 2019. Tive bom desempenho numa competição mundial na Arábia e agora, no meu País, com muitos conhecidos assistindo, pude ser campeão. A pressão foi grande, mas me preparei bem fisicamente, tecnicamente e mentalmente. Deu tudo certo e fico feliz de continuar sendo o atleta de Mas-Wrestling mais forte do continente sul-americano. Contente também pelo crescimento do esporte, com atletas cada vez mais fortes”, finalizou Ricardo Nort que tem 1,92m e 147 quilos.

Vale destacar que na conquista deste final de semana, Nort recebeu os aplausos pelo esforço e a técnica do ator Arnold Schwarzenegger, além de parabenizá-lo pela conquista. “O Arnold se mostrou ser uma pessoa muito humilde e simpática. Foi um dia especial para mim. Ele fez questão de ver a luta, me cumprimentar e parabenizar. Tão importante quanto o título foi o reconhecimento dele, que guardarei para o resto da minha vida”, enfatizou Ricardo Nort.

LEIA MAIS:

Arnold Sports Festival South America bate recordes de faturamento e público