Confira a lista das maiores goleadas do Brasileirão ao longo da história

Depois de uma longa espera, a bola vai voltar a rolar pelo Brasileirão Série A. A edição de 2019 começa neste final de semana e promete agitar os gramados por todo o país.

Bruno Nunes Loreto
Formado em Jornalismo na Universidade de Santa Cruz do Sul, UNISC. Amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Grêmio e Fluminense.

Crédito: Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Para aquecer os motores, o Torcedores.com relembra as maiores goleadas ocorridas em toda a história do Campeonato Brasileiro. Confira!

A maior vitória de todas aconteceu em 1983, quando o Corinthians aplicou 10×1 no Tiradentes, do Piauí. Na partida realizada no estádio do Cani32ndé, em São Paulo, Sócrates (quatro vezes), Paulo Egídio (duas vezes), Biro Biro, Ataliba, Wladimir e Vidotti balançaram as redes para o Timão.  Sabará anotou o tento de honra do Tiradentes.

Um ano mais tarde, em 1984, o Vasco goleou o Tuna Luso, do Pará, por 9×0. Arthurzinho (4), Marcelo (3), Aírton e Geovani fizeram os gols da grande vitória cruz-maltina.

A goleada mais recente aconteceu no ano de 2004. Atuando em casa, no Morumbi, o São Paulo fez 7×0 no Paysandu. Grafite (2), Cicinho (2), Nildo, Souza e Jean foram os autores dos gols da vitória do time treinado, na época, por Emerson Leão.

Confira as maiores goleadas da história do Brasileirão:

Corinthians 10 x 1 Tiradentes-PI – 1983

Vasco 9 x 0 Tuna Luso-PA – 1984

Guarani 8 x 0 River-PI – 1982

Flamengo 8 x 0 Fortaleza – 1981

Fonseca 0 x 8 Fluminense – 1960

Grêmio 8 x 0 Perdigão-SC – 1967

Santos 9 x 2 Bahia – 1968

Guarani 8 x 1 Ceará – 1982

Flamengo 8 x 1 Sampaio Corrêa – 1976

Vitória-BA 8 x 1 América-RN – 1980

Palmeiras 7 x 0 CRB – 1984

Guarani 7 x 0 Itabuna-BA – 1978

Bahia 7 x 0 Vitória-ES – 1977

Vasco 7 x 0 Moto Club – 1982

Vasco 7 x 0 Inter de Santa Maria-RS – 1982

Flamengo 7 x 0 Santa Cruz – 1985

São Paulo 7 x 0 Paysandu – 2004

Bahia 0 x 7 Cruzeiro – 2003

Internacional 7 x 0 Bragantino – 1997

Goiás 7 x 0 Juventude – 2003

LEIA MAIS:

BRASILEIRÃO: NOVAS REGRAS INCLUEM SUSPENSÃO AUTOMÁTICA PARA TÉCNICOS; ENTENDA