Futebol

Corinthians x Chapecoense: veja os melhores momentos pela Copa do Brasil

Publicado às

Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.

Corinthians x Chapecoense

Crédito: Reprodução

Corinthians x Chapecoense mediram forças pela quarta fase da Copa do Brasil. O Timão venceu por 2 a 0, placar mínimo que precisava para avançar diretamente, e vai jogar as oitavas de final do torneio. Veja nos melhores momentos como foi o duelo na Arena, em Itaquera.

Precisando do resultado, o Corinthians partiu para cima desde o início de jogo. Tanta vontade teve consequência positiva aos 15 minutos de jogo com Boselli. O camisa 17 aproveitou o bom cruzamento de Ralf, dominou já tirando do zagueiro e chutou forte no canto. A bola ainda bateu na trave antes de morrer no fundo das redes.

A Chapecoense sentiu a pressão imposta pelo Corinthians dentro de Itaquera com a força da Fiel e só foi incomodar Cássio na reta final do primeiro tempo. Mas não obteve sucesso e a partida foi para o intervalo com 1 a 0 para o Timão.

No segundo tempo a Chapecoense não viu a cor da bola. O Corinthians pressionou a todo momento e aos 24 minutos veio a consagração. Mateus Vital entrou no lugar de Pedrinho e após uma linda jogada de Fagner, o camisa 22 chutou para fazer o segundo.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS 

FICHA TÉCNICA – Corinthians x Chapecoense – Copa do Brasil

Corinthians x Chapecoense: jogo de volta – ida foi 1 a 0 para a Chape
Local: Arena Corinthians, São Paulo – SP
Dia e horário: quarta-feira, 24 de abril, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Daniel Nobre Bins – RS
Assistentes: Elio Nepomuceno de Andrade Junior – RS e Leirson Peng Martins – RS
Cartões amarelos: Eduardo e Amaral (CHA); Fagner e Boselli (COR)
Gol(s): Boselli, 16min – 1ºT; Mateus Vital. 24min – 2ºT

CORINTHIANS – Cássio, Fagner (Michel Macedo), Manoel, Pedro Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Ramiro (Vagner Love) e Sornoza; Clayson, Pedrinho (Mateus Vital) e Boselli

CHAPECOENSE – Tiepo; Eduardo, Gum (Vini Locatelli), Douglas e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Elicarlos e Gustavo Campanharo; Régis, Everaldo e Aylon (Bruno Silva)

LEIA MAIS
CBF DIVULGA ESCALA DE ARBITRAGEM DA PRIMEIRA RODADA COM VAR NA HISTÓRIA DO BRASILEIRÃO