Dirigente do Cruzeiro teve dificuldades para contratar Pedro Rocha: “A concorrência foi muito alta”

O Cruzeiro surpreendeu a todos na noite desta terça-feira (2) e anunciou a contratação do atacante Pedro Rocha, de 24 anos, que chega emprestado pelo Spartak Moscou, da Rússia, até o final desta temporada. Vice-presidente de futebol da Raposa, Itair Machado revelou que vinha há meses monitorando a situação do atleta e teve dificuldades para fechar com o reforço. 

Dayvidson Soares
Jornalista, com passagens por Globoesporte.com, Lance! (Craque do Futuro) e Jornal Gazeta de Alagoas. Apaixonado por futebol e boas histórias.

Crédito: Divulgação/ Cruzeiro

“Realmente foi uma contratação difícil, por se tratar de um jogador de qualidade muito grande. A concorrência foi muito alta. Até as 17h de hoje o Cruzeiro estava correndo o risco de não concluir a negociação, mesmo trocando as minutas dos contratos. O que pesou muito foi a decisão do jogador em jogar no Cruzeiro. Queria agradecer ao Pedro Rocha, que abriu mão até de parte financeira para poder jogar no Cruzeiro. Ele espera chegar aqui e fazer grandes campeonatos. Estamos fazendo essa contratação para ganhar títulos. Tivemos um grande título ano passado e esperamos repetir esse ano. Conversamos com o Mano, ele achou que seria um grande reforço. Já tínhamos tentado essa contratação antes. Graças a Deus tivemos um final feliz, com a ajuda do nosso patrocinador, o Banco Digi+ Cruzeiro”, destacou Itair, ao site do Cruzeiro.

De volta ao futebol brasileiro, Pedro Rocha externou sua felicidade em acertar com um dos clubes mais vitoriosos da América do Sul.

“Estou feliz com a oportunidade voltar ao Brasil e vestir a camisa de um gigante do nosso futebol. Espero corresponder a confiança do Cruzeiro e da torcida no meu trabalho”, disse o jogador, também ao site do Cruzeiro.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Pedro Rocha foi descoberto pelo Grêmio e surgiu como grande destaque no time profissional. No clube gaúcho ele conquistou a  Copa do Brasil (2016) e a Libertadores da América (2017). O atacante chamou a atenção do Spartak Moscou e foi vendido por 12 milhões de euros em 2017.

LEIA MAIS:

Mercado da bola: Cruzeiro anuncia a contratação de Pedro Rocha; confira detalhes do acerto

Felipão critica Deyverson após derrota do Palmeiras na Libertadores: “Não cumpriu a função que eu queria”

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?