Em estreia, Barroca muda estilo do Botafogo e diz que gostaria de transformar controle em chances

O Botafogo estreou no Campeonato Brasileiro com uma derrota para o São Paulo no último sábado (27), no estádio do Morumbi. No banco, Eduardo Barroca comandou pela primeira vez da equipe, mudou o estilo de jogo, mas afirma que faltou acertar a finalização para marcar o gol.

Rafael Brayan
Apaixonado pelo estudo do esporte mais praticado no mundo.

Crédito: Vítor Silva/SSPress/Botafogo

A primeira partida do Campeonato Brasileiro também contou com a estreia de Eduardo Barroca, novo treinador do Botafogo. Contra o São Paulo, o time carioca acabou perdendo por 2 a 0 no Morumbi, mas teve quase 66% da posse de bola. A mudança, segundo o comandante, foi boa, mas faltou acertar as finalizações.

“Entendo que o Botafogo começou pressionando bem o São Paulo, mas deixando o jogo bem vivo em transição até a metade do primeiro tempo. Fomos bastante agressivos na pressão, mas controlamos menos do que deveríamos. Acho que na metade do primeiro tempo para o final foi um momento em que a gente cresceu, passou a controlar mais o jogo e a chegar com mais jogadores na frente. Aí foi o momento em que a gente sofreu o gol. Fomos para o intervalo com o resultado de derrota”, analisou.

Barroca citou algumas jogadas que poderiam ter acabadas em gols, mas disse que esperava mais da equipe. “Teve o lance do Erik no começo do jogo, Pimpão e Cícero tiveram chances no primeiro tempo. No segundo, o Cícero chutou de fora. No início do segundo tempo, tivemos um lance em que o Pimpão roubou e tocou para trás. Tivemos a falta do Léo Valencia. Mas concordo que, pelo controle de jogo que tivemos por trás, a quantidade de chance criadas não foi a que esperávamos”, disse o treinador.

“Sabíamos que errar contra o São Paulo, que é uma equipe com muitos jogadores com capacidade de definição, poderia nos trazer problemas. Agora é recuperar os jogadores e virar a chave o mais rapidamente possível e fazer correções para os dois jogos que vêm em sequência”, completou.

Após a derrota para o Tricolor Paulista, o Botafogo enfrentará o Bahia na próxima quinta-feira. Será o primeiro jogo do treinador ao lado da torcida alvinegra.

Leia mais:

Saída de jogadores importantes e fracasso no Estadual: veja o que mudou no Botafogo de 2018 para 2019

Retornando ao Botafogo, Yuri valoriza chegada de Barroca: “Ele extrai o máximo de cada um”