Repórter da Globo assume ter torcido contra Corinthians na reta final do Brasileirão de 2011

O repórter Eric Faria, da Rede Globo, esclareceu uma das principais polêmica acerca de sua carreira. O profissional foi flagrado em 2011 comemorando o gol do Vasco contra o Fluminense na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. A entrevista foi concedida ao GloboEsporte.com.

Joao Vitor Rocha
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução

“Comemorei o gol mesmo. Eu nunca falei sobre isso. Comemorei o gol. Eu acompanhava de perto aquele time do Vasco, durante toda a temporada eu quase fui um setorista daquele time do Vasco. Eu conhecia muitos daqueles caras porque eu vi eles nascerem no futebol. O Juninho Pernambucano uma das primeiras entrevistas quando chegou pro Vasco do Sports eu fiz uma das primeiras entrevistas com ele. O Felipe também subindo pro Vasco em 97, 98 eu já era repórter. O Ricardo Gomes, eu tava torcendo principalmente pelo drama que ele viveu. Tava no hospital, depois daquele AVC horrível. O Cristovão é um cara que eu conhecia também do Rio de Janeiro durante muitos anos. Um cara bacana pra caramba. Conhecia também o Cristovão e torcia pelo sucesso. Tinha o Dedé também que é um cara que eu fiz amizade, não sou amigo, não frequento casa, mas gosto. É um time que eu tava torcendo realmente”, relembrou Eric Faria.

Veja os PROGNÓSTICOS dos especialistas para os jogos do final de semana

O repórter da Globo ainda assumiu que torceu a favor do Vasco na reta final do Brasileirão de 2011, quando o Cruz-maltino disputada o título nacional contra o Corinthians.

“E segundo, eu cubro futebol carioca. Eu dependo do futebol carioca. Minha vida tá em função do futebol carioca, como repórter. Naquele momento, se o clássico Vasco e Fluminense acabasse empatado o Corinthians era campeão. Se houvesse um vencedor no clássico, a rodada final teria peso de título. E o jogo do Corinthians já tinha terminado, se não me engano contra o Figueirense. O Corinthians tava esperando acabar Vasco x Fluminense para poder comemorar o título brasileiro. Todos esses motivos me fizeram comemorar o gol do Vasco. É mais uma semana de noticiário, fazer mais um jogo importante no fim de semana. Porque a última rodada do Brasileirão não valeria nada para os times do Rio. E naquela reta final entre Vasco e Corinthians, eu torci pro Vasco ser campeão brasileiro por esses motivos. Não tenho problema nenhum de falar disso não”, explicou o profissional.

Relembre a comemoração de Eric Faria

LEIA MAIS

Ídolo do Palmeiras, Alex compara Mundial de 2000 do Corinthians e Taça Rio de 51