Ícone do site Torcedores – Notícias Esportivas

Veja números da estreia de Paolo Guerrero no Internacional

Ricardo Duarte/SC Internacional

Anunciado em agosto como reforço do Internacional, o peruano Paolo Guerrero só vestiu a camisa em um jogo oficial neste sábado (6) no Beira-Rio.

Suspenso por doping, Guerrero ficou 251 dias sem jogar. Ele havia entrado em campo pela última vez em julho de 2018, pelo Flamengo, onde ficou entre maio de 2015 e agosto de 2018. Ainda como jogador do rubro-negro, ele participou da Copa do Mundo da Rússia pela seleção peruana graças a um efeito suspensivo.

A estreia do camisa 9 aconteceu no dia em que o Internacional disputava uma vaga na final do Campeonato Gaúcho. Apesar do caráter decisivo, o técnico Odair Hellmann escalou um time alternativo para preservar alguns titulares para o jogo da próxima semana pela Libertadores.

Titular, Guerrero foi ovacionado pela torcida desde que o nome dele foi anunciado entre os 11 que começariam jogando. A expectativa pela contratação do atacante de 35 anos explodiu o Beira-Rio de emoção quando ele cabeceou para abrir o placar aos 36 minutos de jogo.

Assim como combinado, ele deixou o campo na etapa final e novamente ouviu muitos aplausos da torcida que na mesma semana comemorou os 110 anos do clube e os 50 anos do Estádio Beira-Rio.

De acordo com o FutDados, a melhor média de gols da carreira de Guerrero foi no Corinthians, quando balançou a rede por 52 vezes em 126 jogos. Além disso, foram 13 assistências. Ele foi campeão mundial e inclusive fez o gol do título na final contra o Chelsea em 2012 que terminou com placar de 1 a 0 para o alvinegro do Parque São Jorge.

Já no Flamengo, a média de gols caiu de 0,41/jogo para 0,38/jogo. No total ele marcou 43 vezes em 112 partidas com a camisa rubro-negra.

FICHA TÉCNICA: Internacional 2 x 0 Caxias
Motivo: Campeonato Carioca – Semifinal – Jogo único
Data e horário: sábado (6), às 19h (de Brasília)
Local: Estádio José Pinheiro Borda (Beira-Rio), em Porto Alegre-RS
Arbitragem: Jean Pierre Lima, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e Tiago Augusto Kappes Diel
Público e renda: 32.067 (27.702 pagantes) / R$ 1.103.490
Cartões amarelos: Eduardo Diniz, Juliano e Foguinho (CAX)
Gols: Paolo Guerrero (INT), aos 36min do 1º tempo, e Guilherme Parede (INT), aos 23min do 2º tempo
INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca, Roberto, Emerson Santos e Uendel; Rithely, Nonato (Rodrigo Lindoso) e Camilo; Sarrafiore (Neilton), Guilherme Parede e Paolo Guerrero (Jonatan Alvez). Técnico: Odair Hellmann
CAXIAS: Luis Cetin; Eduardo Diniz, Júnior Alves, Thiago Sales e Samuel Balbino; Juliano, Foguinho, Caio Cézar (Léo Jaime) e Eliomar; Bruno Alves e Júnior Juazeiro. Técnico: Pingo

LEIA MAIS:
Internacional 2 x 0 Caxias: assista aos gols da semifinal do Campeonato Gaúcho

Leia mais:

Sair da versão mobile