Jô vê aposentadoria distante e coloca volta ao Corinthians como “um sonho”

Jô vive uma boa vida no Japão e como o próprio diz, não pretende sair tão cedo do país. Mas em meio ao desejo de ficar na Ásia, ele briga com o sonho de ainda retornar ao Corinthians e dar sequência a sua trajetória no clube onde iniciou sua carreira vitoriosa no futebol.

Roberto Junior
Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.

Crédito: Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Em entrevista à Rádio Gazeta, Jô garantiu que quer permanecer no Nagoya Grampus, time onde possui 46 jogos e 27 gols, e não vê aposentadoria sem antes vestir a camisa do Corinthians novamente.

“Ainda não penso em voltar, ainda está muito cedo, só um ano ainda que eu estou aqui no Japão, então eu quero focar mais tempo aqui ainda e aí sim pensar em voltar. Aposentadoria ainda está muito distante, estou muito novo, mas é claro que o Corinthians, sim, é um sonho meu”, disse o artilheiro do Brasileirão em 2017.

Com forte ligação também com o Atlético-MG, onde foi um dos protagonistas do time na conquista da Libertadores em 2013, Jô vê que o Brasileirão de 2017 pelo Corinthians foi mais importante.

“Então, em 2017, consegui ser campeão paulista, campeão brasileiro, ser artilheiro, e ser melhor jogador do campeonato, então foi algo divino mesmo. Você ser campeão da Libertadores e ainda ser artilheiro, não é qualquer um que consegue esse feito. Mas a torcida que eu mais me identifico é, com certeza, a do Corinthians”, declarou o atacante de 32 anos.

Pelo clube do Parque São Jorge, Jô tem 64 partidas disputadas e 25 gols marcados. São três títulos: dois brasileiros e um Paulistão.

LEIA MAIS
LÍDER EM ASSISTÊNCIAS, SORNOZA FALA SOBRE JEJUM DE GOLS: “NÃO ME INCOMODA”
TIMÃO FECHA CONTRATO COM JOIA DE 16 ANOS DO NOVORIZONTINO