Libertadores: veja as chances matemáticas dos brasileiros na competição

A fase de grupos vivenciou nesta semana mais uma rodada decisiva. Após a disputa de 16 jogos, algumas equipes já confirmaram o passaporte para o mata-mata, enquanto outras encaminharam a sua situação. Entre os clubes já classificados, dois brasileiros figuram a lista; neste clima trouxemos a real situação da cada representante brasileiro baseado nos dados do site Infobola, do matemático Tristão Garcia.

Cido Vieira
Jornalista em formação, e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino.

Crédito: Divulgação - Conmebol

GRUPO A

Líder da sua chave com 10 pontos, o Internacional confirmou a sua vaga nesta semana ao vencer o Palestino pelo placar de 3 a 2, no Beira-Rio, com show de Guerrero. Com o Colorado já garantido no mata-mata, River Plate e Palestino brigarão diretamente pela outra vaga restante – os argentinos aparecem com 68% de chances.

GRUPO B

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Detentor de 100% de aproveitamento, – ao lado de Cerro Porteño e Libertad – o Cruzeiro também já carimbou a sua classificação na Libertadores. Com uma atuação impecável de Fred, autor de três gols, a Raposa atropelou o Huracán por 4 a 0, e manteve a grande fase vivida. Segundo o Infobola, o Deportivo Lara aparece com 70% de chances, enquanto Emelec – 20% – e o lanterna Huracán – 10% – tem probabilidade de avançar mais remota.

GRUPO D

Após atropelar o modesto San José da Bolívia, o Flamengo se aproximou e muito da classificação para as oitavas de final. Com nove tentos somados em 12 possíveis, o time de Abel Braga computa 89% de chances de avançar. A maior concorrência rubro-negra é o Peñarol. Empatado em número de pontos, os uruguaios aparecem 93% de chances de classificação. Terceira na chave, e próximo adversário do Flamengo, a LDU tem 18% de chances, enquanto o San José já está eliminado.

GRUPO E

Do quinteto brasileiro que ainda não confirmou passaporte para as oitavas, o Atlético-MG aparece no cenário mais complicado. Goleado pelo Cerro Porteño nesta semana, – revés que custou o emprego de Levir Culpi – o Galo aparece com apenas três pontos e, depende de um verdadeiro milagre para avançar. São apenas 3% de chances, e a necessidade de uma grande combinação de resultados.

100% na chave, o Cerro já garantiu a classificação. Com nove tentos somados, o Nacional aparece logo na sequência apresentando 97% de chances.

GRUPO F

Vice líder da chave, o Palmeiras amenizou a pressão nos bastidores após bater o Junior Barranquilla no Allianz, e encaminhar a sua classificação. Com nove tentos somados, o Verdão tem 96% de chances. Dono da primeira posição, o San Lorenzo aparece com 98% de chances. Ambos precisam de um simples empate daqui duas semanas para selar o avanço. Terceiro colocado, o Melgar aparece com 6%.

GRUPO G

A vitória por 1 a 0 sobre o Tolima foi de extrema importância para o Athletico Paranaense encaminhar a sua vaga nas oitavas da Libertadores. Líder do grupo, o Furacão chegou aos 9 tentos, e detém 97% de probabilidade de avançar. Na caça do time brasileiro, o Boca Junior aparece em segundo, com sete tentos somados e 88% de chances. O Tolima ainda aparece com 12% e o Jorge Wilstermann, tem apenas 3%.

GRUPO H

Nas cordas e em situação de risco, inclusive correndo o risco de ser eliminado já nesta quarta rodada, o Grêmio conseguiu um importante triunfo sobre o Rosario Central que o deixa na condição de não depender de ninguém para confirmar o passaporte para o mata-mata. Terceiro colocado, com quatro tentos, o time de Renato Gaúcho aparece com 40% de chances. A briga será direta contra a Universidad Católica, que aparece com seis tentos e 57% de chances.

Invicto e 100% na competição, o Libertad já está garantido nas oitavas, enquanto o Rosario tem apenas 3%.

LEIA MAIS: