Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Há 15 anos, São Caetano se sagrava campeão paulista; relembre a conquista

Dezoito de abril é um dia inesquecível na memória do torcedor do São Caetano, pois, há exatos 15 anos, o Azulão vencia o Paulista de Jundiaí e conquistava o Paulistão 2004, entrando para a história da competição. Relembre a campanha.

Antonio Carlos Junior
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação

O campeonato paulista de 2004 contou com 21 equipes, divididas em dois grupos, onde o pior de cada grupo era rebaixado. Em seu primeiro jogo o São Caetano venceu o Mogi Mirim por 3 x 2, no Anacleto Campanella.

Entretanto, após a vitória contra o Mogi, o Azulão amargou cinco jogos consecutivos sem vitória, empatou com o Santos em 1 x 1, na Vila Belmiro, na rodada seguinte outro empate, dessa vez contra o rival Santo André, em casa. Empates contra Guarani, em Campinas, e em Itápolis, contra o Oeste e uma derrota contra o Marília, em casa, quase acabaram com as chances do Azulão de avançar na competição.

Foi aí que o time do técnico Muricy Ramalho mudou o destino e conquistou quatro vitórias consecutivas: 1 x 0, contra o Palmeiras, 3 x 2 em cima do Ituano, goleada por 5 x 1 no Paulista e 1 x 0 contra o União São João.

A equipe terminou a primeira fase com 19 pontos e na quarta posição do grupo B, atrás de Santos (23), Paulista (22) e Palmeiras (20), e garantiu a vaga na segunda fase.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

O bom momento continuou nas quartas de final, quando o Azulão bateu o São Paulo, que não havia perdido na primeira fase e tinha a melhor campanha geral, em pleno Morumbi, por 2 x 0. Na semifinal outra surpresa, o São Caetano empatou em 3 x 3 com o Santos, na Vila Belmiro, e goleou o alvinegro por 4 x 0, no Anacleto Campanella e garantiu vaga na final.

Na outra semifinal, o surpreendente Paulista de Jundiaí eliminava o Palmeiras nos pênaltis, após empates nos dois jogos e carimbava o passaporte para a final.

Final que, por sinal, era a primeira entre dois times do interior desde 1990, quando o Bragantino venceu o Novorizontino e levantou a taça.

O primeiro jogo foi vencido pelo Azulão por 3 x 1, em Jundiaí. Canindé abriu o placar para os donos da casa, no entanto, a força ofensiva do São Caetano foi demais para o Paulista, que viu Euller empatar sete minutos depois e Warley virar com dois gols no segundo tempo.

A pressão em cima do Paulista foi demais e o time foi dominado na segunda partida. Marcinho aos 20 do primeiro tempo e Mineiro – aquele mesmo do São Paulo – aos 43 do segundo garantiram a vitória do São Caetano frente aos seus torcedores.

Confira os melhores momentos da final:

FICHA TÉCNICA

Data: Domingo. 18 de abril de 2004
Horário: 16h00 de Brasília
Local: Pacaembu
Árbitro: Sálvio Spíndola

ESCALAÇÕES

SÃO CAETANO: Sílvio Luís; Ânderson Lima, Dininho, Serginho e Triguinho; Marcelo Mattos, Mineiro, Gilberto e Marcinho (Lúcio Flávio); Euller (Warley) e Fabrício Carvalho (Fábio Santos). Técnico: Muricy Ramalho

PAULISTA: Márcio; Lucas, Asprilla, Danilo e Galego; Umberto, Alemão, Canindé e Aílton (Fábio Mello); Izaías e João Paulo (Davi). Técnico: Zetti

LEIA MAIS

Grande ABC pode não ter representante no Paulistão pela primeira vez desde 2000

Paulistão 2019: saiba quem se classificou para o Troféu do Interior