Zagueiro do Vasco lamenta eliminação da Copa do Brasil, mas valoriza boa atuação da equipe

Na primeira partida do Vasco sem Alberto Valentim, a equipe foi bem, venceu o Santos, e por pouco não conseguiu a vaga para as oitavas de final da Copa do Brasil.

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores

Crédito: Rafael Ribeiro/Vasco

Após o apito final, o zagueiro Werley concedeu entrevista ao Sportv e fez questão de elogiar a atuação da equipe, mesmo com a eliminação. O Vasco abriu 2 a 0 no primeiro tempo, resultado que levava a partida para os pênaltis, mas viu o Santos chegar ao empate com Jorge, no início da etapa final, e ficar com a vaga.

“É doído (o time ser eliminado). A equipe se portou muito bem. O Santos quase não chegou ao nosso gol. Acontece, a gente sabe que começa o Brasileirão agora e a gente precisa estar forte”, lamentou.

O Cruz-Maltino teve dois problemas ainda no primeiro tempo da partida, quando o zagueiro Leandro Castán e o goleiro Fernando Miguel se lesionaram e deram lugar a Ricardo Graça e Alexander, respectivamente.

O substituto de Castán, inclusive, quase foi o herói da classificação: marcou o segundo gol da vitória por 2 a 1 e guardou mais um nos acréscimos, que levaria a partida para as penalidades, mas o auxiliar ergueu a bandeira e marcou impedimento.

Leia mais:
Autor do gol do Santos, Jorge termina partida aliviado e comemora classificação: ‘sabíamos que seria difícil’