Abel diz que alertou jogadores do Flamengo antes de gols do Inter

A primeira derrota do Flamengo no Brasileirão contou com descuidos defensivos, mesmo após o técnico Abel Braga alertar os jogadores dentro de campo.

Daniel Gois
Estudante de jornalismo da Universidade Católica de Santos. No Torcedores desde janeiro de 2017, escreve sobre futebol, basquete, formula 1 e eventualmente games.

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

Em entrevista coletiva após a partida, Abel disse que havia chamado a atenção do sistema defensivo para as arrancadas coloradas pelo meio-campo. No segundo gol do Inter, o argentino Sarrafiore arranca do lado direito e deixa três atletas do Flamengo para trás, até concluir na meta de César.

“Sofremos um gol que já tinha chamado a atenção, Nico já tinha pegado uma bola em frente a mim para fazer uma diagonal por 30m, 40m sem sofrer falta, ser obstruído. Segundo gol foi parecido, não com tanta distância. No primeiro, a falta foi batida rápida, ano passado sofreu gol batida rápida de escanteio do D’Alessandro. Avisei: atenção para que não ocorra isso”, disse Abel

O treinador também lamentou que o gol da vitória do Inter tenha saído em um bom momento do Flamengo, que estava na busca da virada.

“Foi pena, porque naquele momento tínhamos esperança de fazer o segundo gol. Fez o Internacional crescer de novo. Nunca temos que reclamar, primeiro que adversário tem valor, e segundo que erramos um pouco a mais da conta.”

A equipe carioca volta à campo no próximo domingo (5) para enfrentar o São Paulo, no Morumbi, às 16h.

VEJA TAMBÉM

“Ficamos devendo”, afirma Everton Ribeiro após derrota do Fla para o Inter

Rhodolfo diz que derrota do Fla já faz parte do passado e pede foco no São Paulo

Bruno Henrique minimiza revés para o Inter e diz que Fla: “jogou pra caramba”

Abel fala em sentimento “inexplicável” ao rever o Inter no Beira-Rio e elogia estádio: “Mais lindo do país”

Tragédia no Ninho: Fla tem negociações emperradas com sete famílias

Carille repreende soco de Neymar, mas diz: “Não temos sangue de barata”