Cristiano Ronaldo chega à quarta temporada seguida sem faturar a artilharia em ligas nacionais

Cristiano Ronaldo se destaca ao longo da carreira pelos recordes quebrados e números de gols feitos nas mais diversas competições. Nas últimas temporadas porém, o português não tem vivido seus melhores momentos em termos de artilharia nas ligas nacionais que disputa. Com o fim do Campeonato Italiano que teve Fábio Quagliarella (Sampdoria) como goleador máximo, CR7 chegou à quarta temporada sem faturar a chuteira de ouro nos campeonatos locais que disputou.

Luis Felipe Pereira
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/ Cristiano Ronaldo twitter oficial

O “jejum” do craque começou na temporada 2015/16 quando foi superado pelo uruguaio Luis Suárez na briga pela artilharia do Campeonato Espanhol. O centroavante do Barcelona anotou 40 gols contra 35 de Cristiano Ronaldo. Nas duas edições seguintes de La Liga, o gajo travou uma disputa com o principal rival da carreira: Lionel Messi. Em 2016/17, o capitão da seleção de Portugal terminou 10 gols atrás do argentino, que alcançou a marca de 35 tentos ao fim das 38 rodadas. Em sua última temporada com a camisa do Real Madrid, Cristiano manteve os 25 gols da edição anterior da liga espanhola e foi superado pelos 37 marcados por Messi.

Já em seu primeiro Campeonato Italiano, o cinco vezes eleito melhor jogador do mundo teve um início de excelentes números, liderando a briga pela artilharia em boa parte da competição. Porém devido a lesões e partidas em que foi poupado visando a Champions League, o camisa 7 da Juventus perdeu a vantagem que havia construído pela chuteira de ouro e acabou ultrapassado por nomes como Piatek (Milan – 22 gols), Zapata (Atalanta – 22 gols) e pelo vencedor do prêmio, Fábio Quagliarella (Sampdoria – 26 gols). CR7 terminou a Serie A com 21 gols marcados, sua menor marca desde que atuava pelo Manchester United.

O outro lado

Apesar de não garantir a artilharia, Cristiano Ronaldo segue como maior goleador da história da Liga dos Campeões da Europa e levantou duas taças com a Juventus nesta temporada, sendo decisivo dentro de campo em diversas partidas, e fora dele na expansão da marca do clube italiano pelo mundo.

Com a conquista da Liga Italiana, CR7 se tornou o único jogador na história a vencer os Campeonatos Espanhol, Inglês e Italiano e de quebra terminar como melhor jogador nas três competições. Mais dois recordes para a coleção do craque de 34 anos.

LEIA MAIS:

Campeonato Italiano: confira a artilharia final da competição