Apresentador do SporTV diz que Corinthians de 2017 era melhor que o atual Palmeiras que lidera o Brasileirão

Jornalista citou uma série de jogadores do Timão para justificar a resposta

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/Sportv

O apresentador Carlos Cereto, do SporTV, polemizou durante um comentário no programa Redação SporTV e disse que o Corinthians que conquistou o Brasileirão 2017 é melhor que o atual Palmeiras, que lidera a competição.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Vale lembrar que para muitos o título do Corinthians há dois anos foi o mais inesperado dos últimos tempos, visto o pouco investimento e a efetivação tardia de Fábio Carille, que fez em 2017 seu primeiro ano como treinador profissional.

“Aquele time do Corinthians, na minha opinião, é melhor que o time do Palmeiras de hoje. O Corinthians tinha Rodriguinho, Jadson, Pablo, Balbuena, Guilherme Arana. É um time que não perdeu para ninguém na primeira fase do Campeonato Brasileiro e que venceu a competição com um pé nas costas. O Palmeiras também vai ganhar com o pé nas costas, mas não com tanta facilidade”, disse Cereto.

O Corinthians de Carille fez em 2017 o melhor primeiro turno da história do Brasileirão. Até o momento, o Palmeiras disputou oito jogos, venceu sete e empatou um. O Verdão entra em campo contra o Avaí, na quinta-feira (13), para realizar sua última partida antes da pausa da Copa América.

Resultado suspenso
Um dos resultados do Palmeiras no Brasileirão está suspenso e por isso não aparece na atual tabela de classificação. A vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, em Brasília, pela 6ª rodada da competição, não é válida atualmente, já que o STJD pediu para a CBF não protocolar o resultado devido à denúncia do alvinegro carioca, que reclamou uso indevido do árbitro de vídeo (VAR) no lance do pênalti marcado para o Verdão.

Leia mais:
Torcida do Inter lamenta confronto com o Palmeiras na Copa do Brasil: “joga o sal grosso”

Torcida do Flamengo comemora decisão em casa em confronto com o Athletico pela Copa do Brasil