Brasil fecha etapa francesa do Mare Nostrum com sete medalhas

Durante os últimos dias 11 e 12 foi realizada a etapa de Canet-en-Roussillon do circuito Mare Nostrum de natação. Bruno Fratus foi o principal destaque brasileiro, vencendo os 50m livres. Além dele, outros seis atletas nacionais subiram no pódio.

Juvenal Dias
Colaborador do Torcedores
Mare Nostrum

Crédito: Twitter/ Time Brasil

A competição do Mare Nostrum é tradicionalmente importante dentro do mundo da natação. Neste ano ganha mais relevância já que antecede Campeonato Mundial e Pan-Americano. Durante o último final de semana, Bruno Fratus já havia se destacado na etapa de Mônaco. Venceu a prova dos 50m livre, com tempo recorde da competição: 21s31. Repetiu a conquista na etapa francesa, disputada em Canet. Foi três décimos mais lento, mas foi suficiente para faturar mais um ouro.

No mesmo dia, Fernando Scheffer conquistou prata nos 200m livre, com o tempo de 1m47s00. Vinícius Lanza ficou com o bronze nos 100m borboleta, atingindo a marca de 52s42. No segundo dia de disputas da competição, Jhennifer Conceição e Felipe Lima garantiram mais duas pratas para o Brasil. Ambos ficaram em segundo nos 50m peito de cada gênero. Jhennifer fez o tempo de 30s64, já Felipe bateu 26s85. Por fim, dois bronzes vieram com Guilherme Guido, nos 100m costas, com o tempo de 54s78 , e Luiz Altamir, nos 200m borboleta (1min58s85).

A última etapa do Mare Nostrum será disputada nas piscinas de Barcelona, durante este fim de semana (15 e 16). Depois disso, os nadadores brasileiros retornam para o Aberto da França, disputado em Chartres. O Campeonato Mundial começa em 12 de julho, em Gwangju, na Coreia do Sul.

LEIA MAIS

Atleta argentina completa prova de natação com fones de ouvido: “Não percebi que estava com eles”