“Fiquei enlouquecido, espetacular”: como a força da torcida motivou jovem promessa a jogar no Grêmio

Destaque do time sub-17, que fará a semifinal do Brasileiro contra o Corinthians, Pedro Lucas se impressionou com a torcida do Grêmio

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Flickr/Grêmio

Pela televisão, o jovem Pedro Lucas Tapias Obermuller ficava encantado toda vez que via uma partida do Grêmio em Porto Alegre. O apoio da torcida, acostumada a pressionar o adversário e abraçar seus próprios jogadores, gerou a ele uma certeza: se um dia tivesse a oportunidade, era esta camisa que gostaria de vestir.

E a chance veio. Mas antes, até para engrandecer o currículo, o atual meia do sub-17 gremista foi levado por Ronaldo Fenômeno para um período de treinos no Real Madrid. Como queria iniciar a trajetória no futebol brasileiro, voltou e disse “sim” quando o Grêmio surgiu na jogada.

“Eu estava no Flamengo quando recebi o convite do Grêmio e não pensei duas vezes em aceitar a proposta. Eu sempre acompanhava os jogos do Grêmio e o que sempre me encantou foi a torcida. Eu tinha assistido a um jogo do Grêmio no Olímpico e fiquei enlouquecido com a torcida. A torcida do Grêmio é espetacular”, comentou Pedro ao site GaúchaZH.

Meia de origem, clássico camisa 10, ele é apontado como uma das grandes promessas da base do clube. Em 2017, chamou a atenção até de Zico em um torneio organizado no Rio de Janeiro para jogadores de até 15 anos.

“Ele disse que meu estilo de jogo estava em falta no futebol brasileiro. E eu fiquei muito feliz, porque o Zico é um ídolo, uma referência. Então, eu fiquei realizado”, vibrou.

Em agosto da temporada passada, o jovem renovou contrato com o Grêmio por três anos. A multa rescisória, segundo o empresário Jorge Machado, é na casa dos 70 milhões de euros.

LEIA MAIS:

A velha novela: presidente do Inter volta a falar sobre a “dupla dos sonhos”

“Aqui não é Grêmio!”? Luan não se arrepende de respostas e revela origem da briga com Sasha

Centroavante do Grêmio faz gol, imita o saci, mas Inter vira e volante responde: “Quebramos a outra perna”

Com gol de título e comemoração-saci, ex-volante cita ano da “reviravolta” no Inter e lamenta: “Só queria ter ficado”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram