Torcedores – Notícias Esportivas

Lutador deixa card do UFC 239 após novo exame antidoping positivo

A vida de Sean O’Malley não ganhou nenhum suspiro. O lutador anunciou em suas redes sociais que não lutará contra Marlon Vera no UFC 239, em julho, devido a um resultado positivo de exame antidoping.

Victor Martins
Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.Antes trabalhei para a GG12 (empresa de prestação de serviços de conteúdo para sites), prestando serviços para sites como Federação Paulista de Futebol, Chico Lang, 10dofutebol, Milton Neves, Rádio Capital e outros,

Crédito: Reprodução

O lutador comunicou que a Agência Antidopagem dos Estados Unidos (USADA) constatou traços de ostarina em seu organismo. A substância foi a mesma encontrada no lutador em 2018, na qual acabou sendo suspenso por seis meses.

“A USADA me notificou que ostarina, uma substância que havia sido encontrada no meu corpo no ano passado e me levou à suspensão, foi encontrada novamente em níveis extremamente baixos em dois testes que eu fiz. A boa notícia é de que, segundo eles, são traços residuais das amostras do ano passado. Por isso eles não resolveram me suspender por isso”, disse O’Malley no Instagram.

“Mas a má notícia é de que a Comissão Atlética de Nevada irá me suspender enquanto investigam isso. Me sinto mal porque meus fãs gostariam de me ver lutando em Vegas (no UFC 239). Quero deixar bem claro que jamais tomei algum tipo de substância ilegal e me submeterei a qualquer tipo de teste adicional que a Comissão de Nevada pedir”, completou.

Na primeira suspensão de O’Malley pela USADA, a entidade constatou que a substância veio de origem de um suplemento contaminado. A última luta pelo UFC aconteceu em março de 2018.

LEIA MAIS

UFC Greenville: Saiba como assistir às lutas AO VIVO na TV

Jon Jones manda recado no Instagram a jovens lutadores

(Crédito da foto: Reprodução)