Manchester United e a maldição da camisa de Cristiano Ronaldo

Dez anos após a saída de Cristiano Ronaldo, jogadores com a camisa 7 do Manchester United anotaram apenas 14 gols na Premier League

Antonio Carlos Junior
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução

Um dos maiores jogadores de todos os tempos, Cristiano Ronaldo não é fácil de ser substituído. O craque português fez história e deixou saudades por onde passou. No Manchester United, no entanto, ele parece ter deixado uma maldição.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Autor de 18 gols em sua última temporada na Premier League, Ronaldo foi o último jogador dos Red Devils a se destacar com o número 7 da equipe inglesa. O lendário número já foi utilizado por lendas do United como George Best, Eric Cantona e David Beckham, mas nos últimos dez anos não tem sido motivo de orgulho dos torcedores.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Desde a saída de Ronaldo – há dez anos – cinco jogadores utilizaram o número 7. No entanto, juntos, eles marcaram menos gols em dez anos do que Ronaldo em sua última temporada.

No total, Michael Owen, Antonio Valencia, Angel Di Maria, Memphis Depay e Alexis Sanchez, anotaram 14 gols na Premier League utilizando a camisa 7.

O primeiro a utilizar o número foi o inglês Owen, revelação da Copa do Mundo de 1998. Em 31 partidas pelo United na Premier League, Owen anotou apenas cinco gols. Na temporada 2012-13, o equatoriano Antonio Valencia herdou a camisa 7, mas anotou apenas um gol com o número.

Após um “ano sabático”, a camisa sete voltou a ser utilizada em 2014-15. Foi a vez do argentino Di Maria, mas o hoje atleta do PSG anotou apenas três gols em 27 jogos no campeonato inglês. Na temporada seguinte chegou o holandês Memphis Depay. Assim como os antecessores, a promessa holandesa decepcionou e anotou apenas dois gols em 33 jogos.

Por fim, o Manchester United trouxe Alexis Sanchez, do rival Arsenal, para mudar o panorama. O chileno, entretanto, também decepcionou. São apenas três gols em 32 partidas pelo Red Devils.

Assim, o lendário número segue órfão de uma grande temporada. A última foi de CR7, autor de 18 gols na Premier League em 2008-09. Depois disso o português ganhou quatro Champions, dois espanhóis pelo Real Madrid. Além de italiano e pela Juventus e uma Eurocopa com a seleção portuguesa e 332 gols em campeonatos nacionais.

Leia mais:

“Cheguei ao fundo do poço com José Mourinho”, diz ex-jogador do Manchester United