O que mudou no Corinthians desde o último clássico contra o Santos?

Dois meses após a semifinal do Paulistão, o Corinthians volta a enfrentar o Santos, nesta quarta-feira (12), às 21h30, desta vez na Vila Belmiro, em jogo válido pela nona rodada do Brasileirão.

Rafael Alaby Martins Ferreira
Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Desde a classificação nos pênaltis contra o Peixe, após derrota por 1 a 0 no tempo normal, no Pacaembu, o Corinthians entrou em campo 15 vezes, somando Paulistão, Copa do Brasil, Copa Sul-Americana e o Brasileirão. Foram sete vitórias, quatro empates e quatro derrotas, a última delas para o Flamengo, que marcou a primeira eliminação na temporada (oitavas de final da Copa do Brasil).

O Corinthians terá ao menos três mudanças em relação àquela formação que iniciou o último clássico contra o rival da Baixada Santista. Sem Cássio e Fagner, ambos com a seleção brasileira que se prepara para a Copa América, e Pedrinho, integrando a seleção olímpica, Carille vai escalar Walter, Bruno Méndez, improvisado na lateral direita, e Jadson.

Carille conseguiu melhorar o desempenho defensivo do Corinthians desde o último clássico. A equipe sofreu apenas oito gols em 15 jogos (média de 0,53). Anteriormente, foram 21 sofridos em 22 jogos (média de 0,95 gol/partida).

Em contrapartida, o desempenho ofensivo diminuiu um pouco. Desde a semifinal do Paulistão, foram 15 gols marcados (média de 1 gol por jogo). Anteriormente, o alvinegro marcou 26 vezes em 22 jogos (média de 1,18 gol por jogo).

O Corinthians titular na segunda semifinal do Paulistão teve: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Júnior Urso; Pedrinho, Sornoza e Clayson; Gustavo.

A provável escalação do Timão nesta quarta-feira tem: Walter; Bruno Méndez, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Júnior Urso; Jadson, Sornoza e Clayson; Gustavo.

VEJA TAMBÉM:

Carille confirma Michel fora contra o Santos e define substituto

Carille revela que atletas do Corinthians receberam propostas e podem ser negociados durante pausa

Bruno Méndez estreia no Corinthians fora de posição e apresenta bons números