PSG anuncia saída de Buffon e deseja sorte no futuro do goleiro

PSG agradece trabalho de Buffon e deseja sorte no futuro do goleiro. Aos 41 anos, ainda não foi definido se Buffon continuará jogando ou se vai aposentar as luvas

Antonio Carlos Junior
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/PSG

O PSG anunciou nesta quarta-feira (05) a saída do goleiro Gianluigi Buffon da equipe de Paris. Ele atuou por uma temporada no clube e foi campeão do campeonato francês, além do vice-campeonato da Copa da França.

A equipe parisiense usou o Twitter para anunciar a saída do jogador e elogiou Buffon como atleta e pessoa.

“Nunca esquecerei o orgulho de todos do PSG ao ver Buffon vestindo a camisa do clube”, declarou Nasser Al-Khelaifi, presidente do PSG. “Ele teve a coragem de sair da Itália sua experiência e profissionalismo para todas as áreas do clube. Portanto, sentiremos falta de sua personalidade aqui. “Gigi” será sempre lembrado entre os gigantes do futebol que vestiram a nossa camisa e, assim, contamos com a presença dele na celebração dos 50 anos do clube no ano que vem”, finalizou.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Considerado um dos maiores goleiros de todos os tempos, Buffon iniciou a carreira no Parma. Mas, foi na Juventus que fez história no futebol mundial. Na Vecchia Signora Buffon conquistou nove vezes o campeonato italiano, além de quatro copas da Itália.

Emocionado, Buffon agradeceu a oportunidade de defender as cores do PSG: “Obrigado pelas emoções que compartilhamos. Cheguei ao PSG cheio de entusiasmo e fui muito bem recebido pelos fãs. Vou embora feliz por ter feito parte desse clube que, sem dúvidas, me ajudou a crescer”, comentou Gigi.

Pela seleção ele atuou em 176 partidas, tendo sido campeão da Copa do Mundo de 2006. Assim, Buffon está na história do futebol e, seja qual for sua decisão, fará falta no clube francês.

Todavia, o PSG conta com Areola para substituir Buffon. O francês tem sido convocado com frequência por Didier Deschamps para defender as cores de sua seleção.

LEIA MAIS

Dani Carvajal analisa contratação de Hazard e Jovic pelo Real Madrid