Richarlison vai ajudar turma de sua cidade natal a participar de olimpíada de matemática

Atacante da seleção se sensibilizou com a causa e se manifestou sobre o assunto.

Robson Farias Silveira
Estuda jornalismo no Centro Universitário Ritter dos Reis (UniRitter) - Porto Alegre, RS.

Crédito: Lucas Figueiredo / CBF

Não é só dentro de campo que o atacante Richarlison vem mandando bem. Fora das quatro linhas, o jogador do Everton da Inglaterra também tem batido um bolão. Nesta terça, através das redes sociais, o atleta brasileiro confirmou que vai ajudar uma turma do Instituto Federal do Espírito Santo a irem até Taiwan para disputarem uma olimpíada de matemática. O instituto fica localizado na cidade de Nova Venécia, local onde Richarlison nasceu.

O jogador resolveu ajudar a instituição de ensino após perceber o apelo feito através da internet onde ele e mais alguns atletas como Neymar foram mencionados.

“Já entrei em contato com o José” – respondeu o atacante fazendo menção a um dos professores responsáveis pela turma.

O custo para a viagem

A turma de Nova Venécia vai participar da Olimpíada Internacional da Ásia de matemática. Para que três alunos e um professor fossem enviados para Taiwan, o Instituto do Espirito Santo deveria gastar no mínimo R$ 50 mil.

Richarlison vai disputar a sua primeira competição oficial pela seleção daqui três dias. O Brasil estreia em São Paulo contra a Bolívia pela Copa América.

LEIA MAIS: