Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Tainá Hinckel e Alex Ribeiro vencem a Triagem do Oi Rio Pro 2019

Os atletas desbancaram grandes nomes do país para ocupar as vagas restantes na etapa brasileira do campeonato mundial

Aline Taveira
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Tainá Hinckel (SC) (Lima Junior / Pena)

Alex Ribeiro e Tainá Hinckel dominaram a Triagem do Oi Rio Pro 2019 e garantiram a vaga na competição.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Em boas ondas de até 1 metro, o paulista ex-integrante da elite mundial Alex dominou a final e anotou 9.00 e 7.50 para superar o capixaba Krystian Kymerson, o baiano Bino Lopes e o carioca Jerônimo Vargas. Com certeza, já fui feliz aqui e fiquei muito contente quando recebi o convite para ter essa oportunidade de disputar a triagem”, disse Alex Ribeiro. Estou amarradão por estar aqui e por conseguir vencer com boas notas, mostrando uma boa performance nessa condição do mar, que está muito boa hoje (quarta-feira). Agora, vamos enfrentar os tops de igual pra igual. Eu gosto de desafio e vai ser bom enfrentar o John John (Florence) e o Caio (Ibelli) também, que vêm de um grande resultado na Austrália. Só quero dar meu máximo, pensando só em mim, no meu surfe, pois venho treinando muito forte e a prova está aí, estou no evento principal”

Já a catarinense Tainá superou Yanca Costa, Camila Cássia, Larissa dos Santos e Taís de Almeida. Essa será sua segunda participação na etapa brasileira do Circuito Mundial. Eu só tentei me divertir, consegui surfar bem e estou bem confiante, pois estou na melhor fase da minha vida”, disse Tainá Hinckel, que já venceu duas das três etapas do Circuito Sul-americano Pro Junior esse ano e já foi campeã deste circuito da categoria Sub-18 com apenas 13 anos

O Oi Rio Pro terá início na quinta-feira (20) e a janela fica aberta até dia 28.

Confira como ficaram as baterias da primeira fase do Oi Rio Pro:

Masculino
1 Kanoa Igarashi (JPN), Peterson Crisanto (BRA), Jadson André (BRA)
2 Gabriel Medina (BRA), Adrian Buchan (AUS), Soli Bailey (AUS)
3 Kolohe Andino (EUA), Yago Dora (BRA), Adriano de Souza (BRA)
4 Filipe Toledo (BRA), Sebastian Zietz (HAV), Frederico Morais (PRT)
5 Italo Ferreira (BRA), Deivid Silva (BRA), Mateus Herdy (BRA)
6 John John Florence (HAV), Caio Ibelli (BRA), Alex Ribeiro (BRA)
7 Jordy Smith (AFR), Willian Cardoso (BRA), Ricardo Christie (NZL)
8 Julian Wilson (AUS), Michael Rodrigues (BRA), Ezekiel Lau (HAV)
9 Conner Con (EUA), Kelly Slater (EUA), Grin Colapinto (EUA)
10 Owen Wright (AUS), Seth Moniz (HAV), Jack Freestone (AUS)
11 Ryan Callinan (AUS), Wade Carmichael (AUS), Jessé Mendes (BRA)
12 Jeremy Flores (FRA), Michel Bourez (TAH), Joan Duru (FRA)

Feminino
1 Caroline Marks (EUA), Nikki Van Dijk (AUS), Macy Callaghan (AUS)
2 Carissa Moore (HAV), Johanne Defay (FRA), Keely Andrew (AUS)
3 Stephanie Gilmore (AUS), Coco Ho (HAV), Tainá Hinckel (BRA)
4 Lakey Peterson (EUA), Brisa Hennessy (CRI), Paige Hareb (NZL)

5 Sally Fitzgibbons (AUS), Tatiana Weston-Webb (BRA), Silvana Lima (BRA)
6 Courtney Conlogue (EUA), Malia Manuel (HAV), Bronte Macaulay (AUS)

Leia mais: Krystian Kymerson é bicampeão da Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf de 2019

Taís de Almeida assume a liderança do ranking brasileiro de surfe

Tainá Hinckel conquista o Pena Little Monster no Pro Junior

O surfe feminino brasileiro precisa de ajuda