Bellator: Rafael Carvalho tenta reabilitação diante de Chidi Njokuani

Lutador brasileiro vem de duas derrotas seguidas e subirá ao cage nesta sexta-feira (12), em Thackerville (EUA).

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhidaFormado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo pareciod.

Crédito: Divulgação/Bellator

Rafael Carvalho não vive um bom momento no Bellator. O brasileiro, que já foi campeão dos médios da organização, perdeu suas duas últimas lutas. E tentará nesta sexta-feira se reabilitar.

O adversário é Chidi Njokuani em evento a ser realizado em Thackeville, no estado americano de Oklahoma. O rival também vem de derrota e faz sua estreia na divisão.

‘”Sempre espero o melhor de meus oponentes. Já enfrentei adversários oriundos da trocação, então acho que será um combate bem interessante. Como estou na minha categoria de origem e ele vem da de baixo, então deve ter uma diferença na questão física em relação aos golpes. Acredito que possa ser uma vantagem para mim. A vitória é o meu único objetivo, não sei se por finalização, nocaute ou decisão. O que quero é a vitória”, disse Carvalho.

O brasileiro não esconde que sente pressão para se reabilitar no Bellator. Por isso, decidiu ir para os Estados Unidos, onde passou a treinar com uma das principais equipes de MMA da atualidade, a American Top Team (ATT).

“Pressão todo mundo que sobe no cage sente, todo mundo sente pressão para vencer. Existe dos dois lados. Meu adversário também vem de derrota. Na verdade, tudo depende da forma como você encara essa pressão. Vou lá para fazer o meu melhor. Claro, quero sempre a vitória. Quero chegar nesta luta e comentar o menor número de erros possíveis. Pois eu acredito que quem vencerá é quem errar menos”, afirmou.

LEIA MAIS

Urijah Faber fala sobre retorno ao UFC e revela “premonição” em treino com Henry Cejudo

Bellator 228 terá lutas de Patrício Pitbull e Lyoto Machida

GLORY: Verhoeven x Hari marca evento de fim de ano da organização

(Crédito da foto: Divulgação/Bellator)