Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Copa América terminará com um índice superior aos 800 mil torcedores nos estádios em 26 jogos

Organização definiu a edição da competição em solo tupiniquim como a “melhor da história”

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Lucas Figueiredo - CBF -Divulgação

A Copa América 2019 vivenciará neste fim de semana seus dois últimos capítulos. Apesar de alguns “buracos” na arquibancadas durante boa parte das partidas, o torneio de seleções já recebeu quase 800 mil torcedores nos 24 duelos disputados até o momento. Índice que aumentará com os embates entre Argentina x Chile – disputa do 3º lugar – e também a decisão no Maracanã entre Brasil x Peru.

Em entrevista coletiva, a Conmebol e COL fizeram um balanço geral positivo da Copa América, e sinalizaram que mais de 100 mil pessoas irão aos estádios nas duas últimas partidas. Desde o pontapé inicial da competição no dia 14 de junho, os estádios já receberam 784.281 torcedores, destes 687.025 foram pagantes. Fato que evidencia uma média 32.678 espectadores por partida – número distante da edição de 2016, que registrou uma média superior aos 46 mil torcedores. A renda já levantada em 2019 é surpreendente: R$ 169.530.820,00.

Diretor de Competições da Conmebol, Hugo Figueiredo classificou a edição de 2019 da Copa América como “a melhor da história”.

“Foi um torneio sem incidentes, apesar de partidas conflituosas como Uruguai e Chile ou Brasil e Argentina, dignas de uma final. No entanto, não houve incidente algum, nem dentro nem fora dos estádios”, comentou. Figueredo disse que, para a Conmebol, o torneio foi um “marco em nível de organização, que estabelecerá os fundamentos para futuras competições” porque define parâmetros.

“É o melhor torneio da história. Não falamos de perfeição, mas que faz a diferença”, acrescentou o dirigente, segundo o qual a competição envolveu 150 funcionários da Conmebol, que extraíram uma boa aprendizagem para melhorar alguns pontos nas próximas edições. Sobre as reclamações relacionadas ao sistema de venda de ingressos pela internet, Figueredo defendeu o que classificou como “um sistema inovador”, mas admitiu que “provavelmente seja necessário fazer alguns ajustes”.

LEIA MAIS:

Comentarista detona momento do futebol brasileiro: “Os olheiros não acreditam na porcaria de jogo que temos”

Argentina x Chile: confira a provável escalação chilena para a partida da Copa América