Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Dana White justifica ‘falta de profissionalismo’ para demitir John Lineker

O chefão do UFC explicou a demissão do peso-galo brasileiro, que vinha tendo cartel positivo dentro da organização e se lesionou antes da última luta que faria.

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reprodução/Facebook Oficial do UFC

Uma das notícias que agitou o fim de semana do UFC foi a demissão do brasileiro John Lineker, um dos destaques do peso-galo e cujo anúncio de sua saída surpreendeu aos fãs de MMA e a imprensa.

Dana White, presidente do Ultimate, justificou a demissão do ‘Hands of Stone’ em entrevista ao canal de TV canadense TSN. Na visão do chefão do UFC, Lineker não teve ‘profissionalismo’ com recentes saídas de luta por lesão e seus antigos problemas com o peso.

“Acho que é porque ele não bateu o peso algumas vezes. Eu sei que os matchmakers estavam frustrados com ele. Lineker não foi profissional”, disparou Dana White.

“Quando você abandona lutas por várias vezes, você se torna um desperdício para todos. Esperamos que todos aqui (no UFC) sejam profissionais, apareçam. Os matchmakers já estavam cansados disso tudo”, completou.

A última vez que John Lineker esteve marcado para lutar pelo Ultimate foi contra Rob Font, mas uma lesão o impediu de participar do duelo. Desde que teve sua demissão anunciada, o brasileiro não se pronunciou sobre o assunto.

LEIA MAIS

UFC: Dana White justifica chinesa como próxima rival de Jéssica Bate-Estaca

Terremoto interrompe discurso de Rashad Evans no Hall da Fama do UFC

(Crédito da foto: Reprodução/Facebook Oficial do UFC)