Pan 2019: ginasta Jade Barbosa está fora dos Jogos de Lima

Ginasta sofreu uma lesão no joelho na quarta-feira (24) e será preservada para o Campeonato Mundial

Luiz Ferreira
Produtor executivo da equipe de esportes da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, jornalista e radialista formado pela ECO/UFRJ, operador de áudio, sonoplasta e grande amante de esportes, Rock and Roll e um belo papo de boteco.

Crédito: Wander Roberto / COB

A ginasta Jade Barbosa está fora dos Jogos Pan-Americanos de Lima. A atleta sofreu uma lesão no joelho esquerdo durante os treinamentos da última quarta-feira (24) e ainda tinha esperanças de disputar as competições. No entanto, a comissão técnica optou por preservar Jade para o Mundial de Sttuttgart, que acontece no mês de outubro e dá vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

Jade Barbosa chegou a apresentar uma pequena melhora nesta sexta-feira (26). Além disso, exames realizados no dia anterior não detectaram nenhuma lesão. No entanto, a ginasta ainda não está em condições físicas de treinar e participar das competições. Diante do quadro e da necessidade de duas semanas para se recuperar da lesão, a comissão técnica da Seleção Brasileira de Ginástica Artística optou pelo corte da atleta já visando a disputa do Campeonato Mundial em outubro.

O Comitê Olímpico Brasileiro divulgou uma nota oficial explicando a decisão de cortar a atleta da delegação. Confira abaixo:

“A ginasta Jade Barbosa apresentou quadro de contusão do joelho esquerdo após uma acrobacia no solo durante o treinamento de pódio, na quarta-feira, dia 24. A atleta foi prontamente atendida pela equipe médica da Missão e passou por exames de imagem, que não indicaram nenhuma lesão grave. Em processo de reabilitação, Jade retornou aos treinos na sexta-feira pela manhã. Como a ginasta ainda não apresenta condições plenas de treinamento, as equipes técnica e médica decidiram preservá-la para o Campeonato Mundial de Stuttgart, que acontece em outubro, classificatório para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. A atleta deve estar em condições completas de treinamento em duas semanas e será acompanhada durante este período. Jade permanece com a equipe em Lima.”

Uma das principais atletas da delegação de ginástica artística, Jade Barbosa se lesionou após executar um salto logo no início da série de solo na quarta-feira (24). Dois dias depois, Jade participou das atividades com a equipe normalmente, mas as dores continuavam, o que impedia a atleta de executar os movimentos da maneira correta. A disputa da ginástica artística no Pan de Lima começa neste sábado (27). A ausência da veterana força o Brasil a repensar sua estratégia pensando na classificação para Tóquio 2020.

LEIA MAIS:

Brasil conquista as primeiras medalhas no Pan 2019 com dupla feminina do triatlo

Confira a festa brasileira na cerimônia de abertura do Pan 2019