Marquinhos projeta “jogo muito difícil” contra o Peru e alerta: “agora é outro contexto”

Defensor da seleção brasileira elogiou o adversário deste domingo (7) e ainda falou sobre a possível saída de Tite

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 26 anos. Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Titular na goleada do Brasil por 5 a 0 sobre a seleção peruana, Marquinhos acredita num jogo totalmente diferente neste domingo (7). As equipes decidem o título da Copa América, às 17h, no Maracanã.

Em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira (5), Marquinhos alertou para as mudanças do adversário.

“A gente enfrentou a seleção peruana numa situação e hoje reencontra eles numa situação completamente diferente”, iniciou o defensor da seleção brasileira.

“A gente tem que saber que tem um grande trabalho para fazer pela frente, que final é sempre um jogo particular”, alertou Marquinhos.

“Diferente de todos os outros da competição. Tem que saber jogar com todos fatores que possam estar ao nosso favor como um incentivo. Algo que nos leve para frente”, declarou.

“A gente sabe que vai ser um jogo muito difícil. Aquele outro passou. Já foi. Tivemos um começo de jogo complicado com o Peru”, destacou Marquinhos.

“Eles tiveram algumas chances para atacar. Conseguiram pressionar bem nossa saída de bola, com alguns erros de passe da nossa parte”, observou.

“E quando saíram os gols foi que o jogo clareou um pouco. Só que agora é outro contexto”, finalizou Marquinhos,

Leia mais:

Marquinhos diz que “não gostaria” de ver Tite sair da seleção: “é um treinador para se guardar até a próxima Copa”