Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ídolo do Botafogo, Mendonça morre aos 63 anos após dois meses internado

Ex-jogador fez história principalmente pelo Glorioso e pelo Palmeiras entre as décadas de 70 e 80

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Divulgação - Botafogo

O futebol amanheceu de luto nesta sexta-feira (5). Ídolo do Botafogo, o ex-meia Mendonça morreu no CTI do Hospital Albert Schweitzer, no Rio de Janeiro. O jogador estava internado há dois meses após ter caído de uma escada em uma estação de trem, em Bangu.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

A situação do ídolo alvinegro já era bastante debilitada. Na noite de quinta, Mendonça teve uma piora no quadro em função de uma infecção. Alguns órgãos já estavam comprometidos, e o cenário acabou não sendo revertido pelos médicos.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

Mendonça teve uma passagem memorável pelo Botafogo entre os anos 70 e 80, onde se tornou ídolo da torcida alvinegra, atuando em mais de 300 jogos. Foram sete anos de Botafogo (1975 a 1982). Além do clube de General Severiano, ele ainda defendeu Palmeiras, Santos, Grêmio, Fortaleza, América-RN, entre outros.

Em 2008, o ex-jogador imortalizou seus pés na Calçada da Fama do Maracanã, e teve uma camisa retrô lançada pelo Glorioso em sua homenagem.

LEIA MAIS:

Futuro do Gatito e chegada de reforço: a semana do Botafogo no Mercado da Bola

Botafogo: Reunião com diretoria motivou ‘lei do silêncio’ de jogadores

Botafogo tem retorno de atacante que estava emprestado