Palmeiras regulariza Henrique Dourado, que depende da parte física para reestrear pelo clube

O nome do centroavante do Palmeiras apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF nesta quarta-feira (31)

Luis Felipe Pereira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ Palmeiras twitter oficial

Henrique Dourado deu um passo a mais para sua reestreia pelo Palmeiras nesta quarta-feira (31). O atacante de 29 anos, anunciado pelo clube paulista na terça-feira, teve seu contrato de empréstimo regularizado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF na tarde desta quarta e no que diz se refere a questões legais, já está livre para atuar pelo alviverde.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Apesar da regularização, o centroavante ainda terá que aguardar mais alguns dias até seu retorno aos gramados com a camisa do Verdão. Vindo de uma grave fratura na tíbia, o jogador ainda não reúne condições físicas para participar de uma partida oficial e de acordo com o técnico Felipão, poderá ficar até 30 dias realizando um trabalho de condicionamento para enfim voltar a jogar.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Henrique Dourado foi trazido por empréstimo até o fim de 2019 junto ao Henan Jianye, da China e retorna ao time que defendeu há cinco anos. Na ocasião, o “Ceifador” foi o artilheiro do Palmeiras na temporada, com 18 gols marcados em 39 jogos, o último deles fundamental para a permanência do alviverde na Série A do Brasileirão.

O atleta chega como opção para um das posições mais criticadas do atual elenco da equipe paulista, a de centroavante. Além de Dourado, o Palmeiras também acertou a chegada de Luiz Adriano junto ao Spartak Moscow para o comando de ataque. Os dois disputarão vaga no time titular com Deyverson, Borja e Arthur Cabral.

Outro repatriado pelo time de Felipão nesta janela foi o zagueiro Vitor Hugo, que estava na Fiorentina, da Itália, e volta após passagem vitoriosa entre 2015 e 2017. O defensor já está regularizado e está à disposição para o clássico contra o Corinthians.

LEIA MAIS:

Felipão faz analogia entre elenco do Palmeiras e queda do Avião, mas fala repercute mal: “Piada infeliz”