Quanto o YouTube rende aos clubes da Série A? Veja o faturamento de junho

Flamengo é a equipe que mais arrecadou com o canal oficial no último mês. Duas equipes não atingiram à marca de mil reais

Matheus Leal
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução

Transmissões ao vivo, bastidores dos jogos, entrevistas… um canal no YouTube é rentável aos cofres dos clubes? Se bem trabalhado, sim. No Brasil, a variação de ganhos é compatível com o tamanho da torcida, mas quantidade e qualidade do conteúdo disponibilizado também influencia bastante na audiência e arrecadação.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

O Flamengo, por exemplo, é a equipe de maior torcida do país e isso resulta nos números. O rubro-negro é o time com o maior canal no YouTube e maior audiência entre as equipes da Série A. Só em junho foram mais de 8 milhões de acessos. Consequentemente, foi o clube com maior faturamento ultrapassando a casa dos R$ 100 mil.

Logo na sequência vem o Palmeiras com uma arrecadação estimada de R$ 70 mil em junho. O Santos fecha o pódio provando que torcida ajuda, mas o conteúdo é o principal determinante. Avaí e CSA, entretanto, não chegaram nem à marca de R$ 1 mil arrecadados com o YouTube.

Veja quanto os clubes da série A faturaram com o YouTube em junho:

Athletico Paranaense – R$ 5,4 mil

Atlético-MG – R$ 21,4 mil

Avaí – R$ 370 (o ganho do Avaí não chega à marca dos mil reais)

Bahia – R$ 8,2 mil

Botafogo – R$ 4 mil

Ceará – R$ 4 mil

Chapecoense – R$ 214,5 (o ganho da Chape não chega à marca dos mil reais)

Corinthians – R$ 31,2 mil

Cruzeiro – R$ 8,5 mil

CSA – R$ 1,4 mil

Flamengo – R$ 121 mil

Fluminense – R$ 10,5

Fortaleza – R$ 7,4 mil

Goiás – R$ 2,3 mil

Grêmio – R$ 13,6 mil

Internacional – R$ 12,1 mil

Palmeiras – R$ 70 mil

Santos – R$ 44,4 mil

São Paulo – R$ 20,2 mil

Vasco – R$ 27,7 mil

  • Ganhos estimados
  • Fonte: socialblade

LEIA MAIS

Clubes brasileiros destinam menos de 1% do orçamento para o futebol feminino; veja quanto cada um investe

Veja sete jogadores que podem deixar o Brasil após a Copa América

Datas-Fifa após Copa América vão desfalcar brasileiros em jogos decisivos; veja quais

Brasileirão 2019: veja como estaria a classificação sem o VAR