Rockets adquire Westbrook do Thunder em troca por Chris Paul e escolhas de draft

Westbrook voltará a jogar com James Harden, com quem atuou até 2012, quando o ala-armador foi trocado para Houston

Antonio Carlos Junior
Colaborador do Torcedores
Westbrook

O mercado da NBA segue insano. Nesta quinta-feira o Oklahoma City Thunder trocou Russell Westbrook para o Houston Rockets, por Chris Paul, duas escolhas de primeira rodada de draft e o direito de inverter as escolhas de dois outros drafts, caso o Rockets possua a melhor entre as franquias.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Após perder Paul George para o Los Angeles Clippers, o Thunder resolveu remodelar de vez o seu elenco. Assim, a equipe trocou Jerami Grant e agora Westbrook, maior ídolo da franquia de Oklahoma.

O Miami Heat era outro interessado em Westbrook, no entanto, a equipe se negou a incluir dois jogadores entre Tyler Herro, Bam Adebayo e Justise Winslow e a negociação esfriou. Assim o caminho ficou aberto para o Rockets, que buscava uma nova estrela para atuar ao lado de Harden.

Rumores apontavam que o relacionamento entre Harden e Chris Paul não era dos melhores. Nem mesmo as negativas de Paul sobre o assunto salvaram o armador de ser negociado por Westbrook nesta quinta. Agora, aos 34 anos, Paul está numa equipe em reformulação e o seu longo – e milionário – contrato atrapalham a possibilidade de ser negociado novamente.

Westbrook vem de três temporadas consecutivas com médias de triplo-duplo, um recorde na NBA. No entanto, ainda é incerto como será o acerto entre ele e Harden em Houston. Até 2012 Harden ainda não era a estrela que se tornou no Rockets. No entanto, ele assumiu a liderança da equipe texana e se tornou um dos melhores jogadores da NBA.

Na temporada 2016-17 os dois jogadores brigaram frente a frente pelo prêmio de MVP. Westbrook ficou com a melhor, no entanto, na temporada seguinte Harden foi eleito o melhor jogador da liga. Assim, o Rockets passa a ter dois jogadores com mentalidade de líderes de suas equipes.

O Thunder, por sua vez, segue em seu projeto de reformulação. A equipe assegurou oito escolhas de primeira rodada dos próximos drafts com as trocas de George, Grant e agora Westbrook.

Leia mais:

NBA: Nets, Clippers, Celtics, Lakers… confira quais equipes se deram melhor e pior na free agency