Vasco, Palmeiras, Fluminense e Iranduba abrem o Brasileirão feminino sub-18 com vitórias

Nesta terça-feira (09) foi dado o pontapé inicial em uma competição importantíssima visando o crescimento do futebol feminino no nosso país. Começou o Brasileirão feminino sub-18

Lucas Calegari
Colaborador do Torcedores

Crédito: CBF

Quatro jogos, muitos gols e emoção até os minutos finais. Foi assim o primeiro dia de jogos do Brasileirão feminino sub-18 em 2019. Vasco, Palmeiras, Fluminense e Iranduba estrearam com vitória e largam na dianteira das suas chaves.

Grupo D

No grupo sediado na cidade de Ceilândia, no Distrito Federal, Bahia e Fluminense tiveram a honra de fazer o primeiro jogo desta temporada do Brasileirão feminino sub-18.

As cariocas não quiseram dar a mínima chance para as nordestinas. Goleada avassaladora por 6 x 0, com show e hat-trick de Tarciane. Os outros gols foram marcados por Luany, Kailane e Luiza.

O outro jogo do grupo foi o melhor deste primeiro dia de Brasileirão feminino. As donas da casa do Minas-ICESP receberam as meninas do todo poderoso Palmeiras.

Meninas do Minas-ICESP e do Palmeiras perfiladas para a execução do Hino Nacional Brasileiro.

Foi um jogo franco, com o domínio da partida mudando de mãos algumas vezes. O jogo estava empatado até os instantes finais. Mileninha havia feito um para o Minas e Alessandra um para o Palmeiras. Parecia que teríamos o primeiro empate da competição, mas o no apagar das luzes, sorte palmeirense, infelicidade das donas da casa. Gol contra de Leticia, e o Palmeiras levou a melhor, 2 x 1.

Grupo F

O grupo que tem dois times paraenses não podia ser sediado em outro lugar que não fosse Belém.

Porém, os times da casa não estrearam muito bem. Pinheirense e Paysandu perderam, respectivamente para Vasco e Iranduba. E foram derrotas doloridas…

Vasco e Iranduba atropelaram seus adversários e já prometem fazer um confronto de arrepiar nas próximas rodadas.

As amazonenses aplicaram o maior placar da competição até aqui. Sonoros 9 x 0 contra o Paysandu. Com gols de: Adyla, Paulinha, Amanda, Thamires, Maria Vitoria, Tainara (2x) e Julia (2x). Esta última fez um golaço, recebeu a bola praticamente no meio do campo, partiu em velocidade rumo a linha de fundo, cortou da direita para a esquerda, invadiu a área e bateu na saída da goleira.

Iranduba comemora mais um gol.

As vascaínas também fizeram bonito, super goleada por 7 x 0 contra o Pinheirense. Com direito a dois gols de falta, gol de cobertura, gol driblando a goleira adversária, foi uma festa cruzmaltina.

As autoras dos tentos foram: Larissa (2x), Gabi, Kaylla e Jessica, esta última também meteu um hat-trick e divide a artilharia da competição com a Tarciane do Fluminense.

Regulamento do Brasileirão feminino sub-18

Nesta edição temos 24 equipes dividas em 6 grupos, cada um contendo 4 participantes. Eles sem enfrentam em sede única, em turno e returno.

O primeiro colocado de cada grupo e os 2 melhores segundos, avançam para a próxima fase.

Nesta nova etapa as 8 equipes remanescentes se dividem em mais 2 grupos de 4 times após sorteio. Com todos se enfrentando, porém, em turno único e em sede a definir.

Avança nesta fase os dois melhores de cada grupo para a disputa das semifinais e posteriormente a final. A partir desta etapa eliminatória, todos os confrontos em jogos de ida e volta.

Leia mais: Férias para uma atleta, o quão importante ela é? Médico da Seleção Brasileira fala sobre o assunto