Vasco: Pikachu cita readaptação e autocobrança para voltar a lateral

Yago Pikachu foi contratado como lateral-direito junto ao Paysandu, mas ganhou destaque no Vasco atuando como meio-campo ou atacante

Roberto Junior
Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.

Crédito: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br

Em entrevista coletiva nesta segunda-feira, Pikachu falou como está sendo a experiência de voltar a lateral-direita após a chegada de Vanderlei Luxemburgo. Ele não nega que teve que resgatar algumas habilidades que a posição exige.

“Sempre deixei claro desde quando cheguei ao Vasco sobre minha posição de origem que era a lateral-direita. Só que realmente 80% dos jogos que fiz aqui foi jogando no meio-campo, não tive dificuldade nenhuma porque no Paysandu joguei alguns jogos assim. Mas aqui vários jogos atuei na linha da frente. Mas desde que o Luxemburgo chegou ele me colocou na lateral, tive que ter um tempo de readaptação, porque fazia tempo que não jogava. Mas este período de parada foi importante para eu voltar para a posição. Sabemos que jogando nessa posição dificilmente você vai chegar na cara do gol igual é quando você joga no meio-campo. Requer um pouco mais de atenção na marcação”, frisou.

“Então tá sendo importante para mim (essa parada) para que adaptasse melhor, principalmente na parte defensiva. Eu venho me cobrando. Eu jogando na frente não voltava tanto para ajudar, mas na lateral o primeiro compromisso é ajudar na linha de quatro, ajudando na marcação e, claro, assim que a oportunidade vier é dar apoio pela direita para que possamos surpreender o adversário lá na frente”, acrescentou.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Cabe lembrar que o gol feito diante do Foz do Iguaçu no último fim de semana colocou Pikachu como o maior lateral artilheiro da história do Vasco. São 34 gols, ultrapassando assim o ex-lateral-esquerdo Felipe.

LEIA MAIS
Reforços, saídas e amistosos: confira o que rolou de mais importante no Vasco durante a Copa América
Vasco: Pikachu destaca intertemporada como “positiva” e já pensa no Grêmio