Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Vem mais um aí? Veja quais os títulos já conquistados pela seleção americana de futebol feminino

Em mais uma final, a poderosa seleção americana tenta aumentar ainda mais a sua galeria de troféus.

Lucas Calegari
Colaborador do Torcedores

Crédito: Getty Images

A seleção americana enfrenta neste domingo (07) a Holanda, na final da Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2019. Pode ser o tetracampeonato na competição e o décimo sétimo título oficial.

 

Pioneirismo que deu certo…

A seleção americana de futebol feminino foi uma das primeiras a disputar a modalidade. E até os dias de hoje ainda luta e tenta ajudar nessa necessidade de crescimento do esporte.

Disputou sua primeira partida oficial lá no longínquo ano de 1985. Curiosamente a maior detentora de títulos no mundo, acabou perdendo na sua estreia, para a Itália (1×0).

O primeiro grande título veio em 1991, na China, logo na primeira edição da Copa do Mundo de Futebol Feminino.

Seleção americana comemora gol na Copa do Mundo de Futebol Feminino 2019, Foto: Getty Images

Era disso que o gigante precisava. De lá para cá é mais simples citar o que os Estados Unidos não venceram. Considerando apenas os títulos oficiais, temos: Copa do Mundo, Olimpíadas, Copa Ouro e Jogos Pan-Americano. Ou seja, as meninas americanas já ganhara tudo que você pode imaginar. Isso sem estar considerando os torneios “não-oficiais”, como: Algarve Cup e She Believes Cup, por exemplo.

A seleção americana chegou ao pódio em todas as oito edições de Copa do Mundo de Futebol Feminino. Tendo vencido em três oportunidades (1991, 1999 e 2015).

Em seis edições de Jogos Olímpicos, apenas uma vez não chegou à final (em 2016, quando caiu nas quartas para a Suécia). Dessas cinco finais, saíram quatro medalhas de ouro (1996, 2004, 2008 e 2012) e uma de prata (2000).

A nível continental, nem há muito o que falar, soberania total. Só de Copa Ouro são oito erguidas de taça.

 

Outros títulos da seleção americana

A seleção americana é dona de alguns títulos que não são taças, mas que estão cravados na história do esporte mundial.

Em 1999, mais de 90 mil pessoas estavam no estádio Rose Bowl, este foi o maior público da história para um evento feminino e um dos maiores públicos registrados no mundo para um jogo final de qualquer torneio.

O gol de Abby Wambach, aos 17 minutos do segundo tempo da prorrogação nas quartas de final do Mundial em 2011 contra o Brasil, foi eleito o gol mais importante da história das Copas do Mundo de Futebol Feminino.

Na fina da Copa do Mundo de 2015, a seleção americana derrubou o Japão, 5 x 2. Destaque para Carli Lloyd, que marcou um hat-trick com apenas 16 minutos de bola rolando. Esse é o hat-trick mais rápido da história de todas as Copas do Mundo.

No dia 11 de Junho de 2019, aplicou a maior goleada da história das Copas do Mundo. Vitória por 13 x 0 sobre a Tailândia.

Foto: Richard Heathcote/Getty Images

Amanhã (07), contra a Holanda, em Lyon, a partir das 12:00 (horário de Brasília). A seleção americana tentará mais uma conquista, para igualar assim os feitos de Brasil, Itália e Alemanha, que no masculino já tem ao menos quatro títulos mundiais cada.

 

Leia mais: Resumão da Copa do Mundo de Futebol Feminino: veja tudo o que aconteceu nas semifinais