Willian Arão comenta as mudanças do Flamengo com Jorge Jesus: “Tento fazer tudo que ele manda”

O rubro-negro carioca conquistou um resultado importantíssimo pelo primeiro jogo das quartas de final da Copa do Brasil.

André Frehse Ribas
Colaborador do Torcedores

Crédito: Torcedores.com

Após o empate em um a um com o Athletico, pelo jogo de ida das quartas de final, na Arena da Baixada, o volante Willian Arão, do Flamengo, que atuou como primeiro volante, fez uma análise sobre a sua nova função.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

“Tento fazer tudo que ele manda, independente da posição em que eu jogo. Eu entro em campo dando meu máximo e fazendo o que ele pede. Como ele mesmo disse, já joguei como primeiro volante, me sinto confortável nas duas (primeiro ou segundo volante)”, disse o jogador.

Willian Arão também analisou o desempenho da equipe do Flamengo e o resultado conquistado. “Obviamente não é um resultado ruim, mas não era o que a gente queria. A gente sabia que tinha condições de ganhar. Se portamos bem, tivemos dificuldades, mas, em certo momento, controlamos a partida”, completou o volante em entrevista na zona mista.

Agora, o Flamengo vira a chave e volta todas as suas forças para o Campeonato Brasileiro 2019. No domingo, o rubro-negro carioca recebe o Goiás, às 11h00, no Maracanã, em jogo válido pela 10ª da competição. A partida irá marcar a estreia de Jorge Jesus diante do seu torcedor.

LEIA MAIS:

Imprensa analisa empate do Flamengo com Athletico pela Copa do Brasil; veja as opiniões
Roma se mostra mais flexível em negociação de Gerson e dirigentes do Flamengo vão à Itália