Atlético será julgado por arremesso de chinelo em gramado do Independência

Galo foi denunciado pelo artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Bruno Cantini/Atlético

O Atlético foi denunciado e será julgado no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) no dia 9 de agosto por arremessos de um chinelo em campo durante a partida contra o Fortaleza, no Independência, pela 11ª rodada do Brasileirão.

O artigo 213 foi o responsável por embasar a denúncia após relato em súmula da árbitra Edna Alves, que registrou o ocorrido aos 33 minutos do segundo tempo.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

O objeto arremessado também virou boletim de ocorrência (B.O) registrado pela Polícia Militar de Minas Gerais após a partida.

Outro objeto reforça denúncia
Durante a partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil, também no Independência, contra o Cruzeiro, outro objeto foi arremessado no gramado, o que reforçou a denúncia e o julgamento da próxima sexta.

Possíveis punições
Mesmo com a reincidência, o Atlético não deve sofrer grandes punições esportivas, mas sim nos caixas. A multa imposta no julgamento pode varias de R$100 a R$100 mil.

Leia mais:
“Jair que desarma”: Jornal usa trocadilho para elogiar volante do Atlético e dá o que falar na web

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Torcedores do Atlético projetam Di Santo no time, brincam com anúncio, e relembram seleção argentina