Dia Nacional de Combate ao Fumo: 7 jogadores que fumam apesar da profissão

Data é comemorada anualmente no dia 29 de agosto e tem o objetivo de alertar a sociedade sobre os prejuízos do tabaco

Matheus Leal
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução

Ser atleta significa ter uma vida regrada. Quando sua função é de alto rendimento e você é reconhecido no mundo todo, essa cobrança aumenta ainda mais. No entanto, nem todos os jogadores seguem à risca o “manual da saúde”. No Dia Nacional do Combate ao Fumo, o Torcedores.com traz cinco jogadores e dois técnicos que fumam independente da profissão.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Na história do futebol, não é raro termos grandes nomes que já foram flagrados fumando. Alguns deles abertamente e sem problemas de serem pegos pela mídia. Ronaldo, Zidane e Sócrates são alguns deles.

Atualmente, o ‘maior fumante do mundo do futebol’ seja o técnico Maurizio Sarri. O italiano de 60 anos, atualmente na Juventus, revelou há pouco tempo que chega a fumar 60 cigarros por dia. Principalmente após as emoções das partidas dos seus times.

“Fumo 60 cigarros por dia e admito que isso é muito. Não sinto a necessidade de fumar durante os jogos, a necessidade, mais do que tudo, surge depois”, disse Sarri.

Veja abaixo a lista de cinco jogadores da atualidade e dois técnicos que fumam apesar da profissão:

1 – Maurizio Sarri – Técnico da Juventus

Fumo

2 – Mario Balotelli – Brescia

fumo

3 – Naingollan – Cagliari

fumo

4 – Buffon – Juventus

fumo

5 – Verratti – PSG

fumo

6 – Kevin Prince Boateng – Fiorentina

fumo

7 – Carlo Ancelotti – Técnico do Napoli

fumo

LEIA MAIS

Brasileirão: veja como estaria a tabela sem VAR após a 16ª rodada

Ataque, defesa, aproveitamento… veja os melhores times da Série A em 2019 após a 16ª rodada do Brasileirão