Em alta no Inter, Rafael Sobis rebate críticos: “Estou calando a boca de muita gente”

Maior garçom do Inter na temporada de 2019, atacante tem sido utilizado com muita frequência pelo técnico Odair Hellmann

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Site Inter

Se de um lado era inquestionável a experiência e a importância histórica de seu nome no Inter, do outro os questionamentos sobre ritmo de jogo, parte física e produção em campo dominaram os debates. Nesse misto de confiança com incerteza, Rafael Sobis foi recontratado no início deste ano e, do alto dos seus 34 anos, curte a boa fase sendo o maior assistente do elenco, já com sete passes para gols.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Presença constante nas entrevistas pós-jogo, Sobis vibrou com o bom momento após a vitória por 2×0 sobre o Nacional, nesta quarta-feira, no Beira-Rio, quando deu a assistência para o gol de Paolo Guerrero, que fechou a conta da classificação colorada às quartas da Libertadores. Na mesma linha, o atacante se viu “calando a boca de muita gente”:

“Nem titular eu sou. Titular absoluto eu não sou, mas estou aí na minha, quietinho, calando a boca de muita gente que eu sei e fazendo o meu trabalho. Acho que em todos os lugares que eu joguei, eu procurei ser assim. Eu como atacante tenho que ajudar com gols e assistências e que bom que estou podendo fazer isso”, destacou.

Veja:

Praticamente o 12° jogador do técnico Odair Hellmann, Sobis entrou na vaga de Nico Lopez no início do segundo tempo contra os uruguaios. Do atual elenco, ele é o único bicampeão da Libertadores pelo clube, tendo participado das conquistas de 2006 e 2010. Nas quartas, o Inter terá o Flamengo pela frente e outra vez decidirá no Beira-Rio.

Mais – veja como foi o apoio da torcida do Inter contra o Nacional:

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Edmundo chama a torcida do Inter de “espetacular” e se rende ao time: “Fiquei encantado”

Torcida do Inter quebra recorde de público no Beira-Rio e Nonato admite: “Fiquei arrepiado”

Melhor em campo, Nico López comenta jejum e vibra com o Inter: “Passamos”

Gol vadio? Narrador ganha a simpatia dos gremistas e admite: “É delicioso narrar o Grêmio”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram