Felipão, do Palmeiras, é o técnico mais velho do Brasileirão; confira o Top 5

Com 70 anos, treinador é o mais vivido do Brasileirão atualmente, segundo de Vanderlei Luxemburgo, 67, e Jorge Jesus, 65

Márcio Donizete
Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Foi repórter colaborador, líder de colaboradores e hoje é editor no Torcedores.com.

Crédito: Foto: Divulgação/Facebook Palmeiras

O Brasileirão 2019 mostra em 14 rodadas uma verdadeira mistura de técnicos e perfis diferenciados. Desde os iniciantes, que se desbravam na difícil missão de comandar um clube da Série A, aos mais experientes, que já estão acostumados a lidar com a pressão por resultados.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Em levantamento feito pelo Torcedores, dos 20 treinadores em atividade na divisão de elite do futebol nacional, três deles já passaram da casa dos 60 anos, mostrando que os times apostam, sim, em veteranos com passado vencedor.

Confira o Top 5 deste Brasileirão:

1 – Luiz Felipe Scolari (Felipão) – 70 anos

Técnico do Palmeiras e pentacampeão mundial com a seleção brasileira em 2002, Felipão é o mais velho do Brasileirão. Aos 70 anos, ele é o único com sete décadas de vida.

2 – Vanderlei Luxemburgo – 67 anos

Hoje treinador do Vasco e pentacampeão brasileiro (com Palmeiras, Corinthians, Cruzeiro e Santos), Vanderlei Luxemburgo está com 67 anos, o segundo comandante mais experiente da competição.

3 – Jorge Jesus – 65 anos

Tricampeão português com o Benfica e agora técnico do Flamengo, Jorge Jesus é o terceiro na lista dos mais velhos do Campeonato Brasileiro. Ele está com 65 anos.

4 – Jorge Sampaoli – 59 anos

Treinador que mudou o patamar da seleção chilena, conquistando duas Copas América, e hoje no Santos, Jorge Sampaoli tem 59 anos, o quarto mais experiente do Brasileirão 2019.

5 – Cuca – 56 anos

Alexi Stival, campeão brasileiro pelo Palmeiras em 2016, e hoje treinador do São Paulo, é o quinto mais velho da competição nacional. Está com 56 anos, mesma idade de Renato Gaúcho, porém é um mês mais velho que o comandante do Grêmio.

A média de idade dos técnicos do Campeonato Brasileiro é de 49,1 anos.

VEJA MAIS
Inter e Cruzeiro aparecem entre os piores visitantes após a 14ª rodada do Brasileirão
Times do Z-4 dominam lista de piores mandantes do Brasileirão; veja números