Fórmula E: Sam Bird lamenta ter desistido do WEC por causa do conflito de datas

O piloto britânico deixou a AF Corse no Mundial de Endurance para se manter focado na Fórmula E

Rodrigo Nascimento
Colaborador do Torcedores

Crédito: PARQUE O'HIGGINS CIRCUIT, CHILE - JANUARY 26: Sam Bird (GBR), Envision Virgin Racing, celebrates with Leon Price, Team and Sporting manager, Envision Virgin Racing during the Santiago E-prix at Parque O'Higgins Circuit on January 26, 2019 in Parque O'Higgins Circuit, Chile. (Photo by Alastair Staley / LAT Images)

O conflito de datas entre a Fórmula E e o WEC (Mundial de Endurance) causou problemas para alguns pilotos que disputam as duas categorias, em especial, para o britânico Sam Bird, que não seguirá como piloto da AF Corse nos protótipos para seguir nos carros elétricos.

O piloto britânico da Envision Virgin Racing na Fórmula E não seguirá no time da AF Corse porque a Ferrari quer um piloto 100% comprometido com o WEC.

Apesar da saída e da frustração por conta da coincidência de datas que impediram sua permanência no WEC, Bird afirmou que sua relação com a Ferrari segue sendo muito boa.

“Estou obviamente muito desapontado por não estar participando do WEC nesta temporada com a equipe da Ferrari, e especialmente porque se trata de circunstâncias sobre as quais tenho pouca ou nenhuma influência”, revelou Bird em entrevista ao site e-racing365.

“Mas entendo perfeitamente a posição da Ferrari e eles também conhecem a situação que estou enfrentando. Não há ressentimentos entre nós e continuamos a ter uma boa relação para um possível trabalho no futuro. Só fiquei muito triste e frustrado por ser honesto.”

“O fato de o calendário [na Fórmula E] ter demorado tanto para ser firmado este ano me custou um emprego, não há como esconder esse fato”, finalizou Bird.

Inicialmente, houve três conflitos de datas entre as duas categorias, porém o WEC alterou recentemente a data das 6 Horas de Spa-Francorchamps, antecipando de 02 de maio para 25 de abril, mas ainda restam duas datas conflituosas: um ePrix ainda sem local definido em dezembro com as 8 Horas do Bahrein, e outro em março entre o ePrix da China (que segue sem cidade definida) e as 1000 Milhas de Sebring.

LEIA MAIS:
Brendon Hartley afirma que teve apoio da Porsche para pilotar pela Dragon na Fórmula E
Fórmula E: Diretor da BMW Andretti acredita que acidente em Marrakesh prejudicou a temporada