Guia NFL 2019 – Cincinnati Bengals

Zac Taylor chega para substituir Marvin Lewis e renovar o elenco do Cincinnati Bengals para a temporada 2019

Antonio Carlos Junior
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Rodrigo Nascimento/Torcedores.com

A NFL está de volta. No próximo dia 5 de setembro terá início a centésima temporada da liga com o jogo entre Chicago Bears e Green Bay Packers. E, pensando no fã do esporte, o Torcedores.com elaborou um guia completo de todas as 32 franquias. Aqui você confere tudo sobre o Cincinnati Bengals.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

História

Após ser demitido do Cleveland Browns, Paul Brown decidiu criar sua própria franquia para a NFL, assim, em 1967 surgiu o Cincinnati Bengals. A equipe começou sua história na AFL e fez parte da união das duas ligas em 1970. Apesar da experiência de Brown, o Bengals não correspondeu dentro de campo e não alcançou grandes conquistas em sua história.

Em 1981, após cinco temporadas sem ir aos playoffs, a equipe de Cincinnati conseguiu seu melhor desempenho e chegou ao Super Bowl. No entanto, o time comandando por Ken Anderson não foi páreo para Joe Montana e o San Francisco 49ers. Sete anos depois, em 1988, o Bengals novamente foi derrotado pelo 49ers em sua última aparição na final da NFL.

Com a morte de Paul Brown em 1991, seu filho Mike assumiu a presidência da franquia. Entretanto, o péssimo desempenho e os 14 anos sem chegar aos playoffs e sem nenhuma temporada com mais vitórias do que derrotas, fizeram Mike Brown ser considerado um dos piores gestores da NFL.

Ficha Técnica

Fundação: 1967

Estádio: Paul Brown Stadium (Cincinnati, Ohio) – Capacidade 65.515 espectadores

Títulos: Campeão da AFC em 1981 e 1988

O Cincinnati Bengals na temporada 2018

O Bengals surpreendeu a todos e venceu quatro dos primeiros cinco jogos da temporada 2018. No entanto, após o início empolgante a equipe não conseguiu se manter no topo e só venceu mais duas partidas das 11 restantes na temporada.

Cincinnati foi muito atrapalhada por lesões durante toda a temporada. O Bengals perdeu Andy Dalton, AJ Green, Tyler Eifert e Joe Mixon por lesões, e isso apenas na parte ofensiva.

Se ofensivamente o Bengals não correspondia, defensivamente a situação era ainda pior. A equipe foi a que mais cedeu jardas durante toda a temporada 2018 e a terceira que mais sofreu pontos. Tudo isso culminou na dispensa de Marvin Lewis do comando da equipe ao final da temporada.

Quem chegou para a temporada 2019: John Jerry (OL), Kerry Wynn (DE), Tony Lippett (CB) e B.W. Webb (CB) – New York Giants, John Miller (OL) – Buffalo Bills, Zac Taylor (Técnico) – Los Angeles Rams

Draftados

1ª Rodada (11): Jonah Williams, OL, Alabama
2ª Rodada (52): Drew Sample, TE, Washington
3ª Rodada (72): Germaine Pratt, LB, NC State
4ª Rodada (104): Ryan Finley, QB, NC State
4ª Rodada (125): Renell Wren, DT, Arizona State
4ª Rodada (136): Michael Jordan, OL, Ohio State
6ª Rodada (182): Trayveon Williams, RB, Texas A&M
6ª Rodada (210): Deshaun Davis, LB, Auburn
6ª Rodada (211): Rodney Anderson, RB, Oklahoma
7ª Rodada (223): Jordan Brown, CB, South Dakota State

Quem saiu na temporada 2019: Vontaze Burfict (LB) – Oakland Raiders, Mark Walton (RB) – Miami Dolphins, Clint Boling (OL) – Aposentadoria, Tom Savage (QB) – Detroit Lions, Tyler Kroft (TE) – Buffalo Bills, Cedric Ogbuehi (OL) – Jacksonville Jaguars, Kasim Edebali (DL) – Philadelphia Eagles.

O que esperar do Bengals em 2019?

Após perder sete dos últimos oito jogos da temporada passada, o Bengals resolveu se reformular. Para isso a equipe trouxe Zac Taylor para ser o novo treinador principal da equipe. Ele era coordenador ofensivo do Los Angeles Rams e a expectativa é que implante um sistema parecido com o utilizado pelo vice-campeão da última temporada.

Joe Mixon deve se tornar cada vez mais o foco principal no ataque, especialmente com a nova lesão de AJ Green nos treinamentos. Portanto, a temporada 2019 deve ser de aprendizado do novo playbook e sem grande pressão para bons resultados em Cincinnati.

A renovação defensiva também faz parte dos planos do Bengals, ainda mais por a equipe ter sido uma das piores defesas da NFL em 2018. Assim, o Bengals entra como azarão e é consideravelmente inferior ao seus rivais de divisão no momento.

Principal jogador: Joe Mixon (RB) – 28

Leia mais:

 Guia NFL 2019 – Baltimore Ravens

NFL 100 ANOS – Quais são as cinco franquias mais antigas da história da liga

NFL 100 ANOS – Por que Packers e Bears será o kickoff desta temporada?