Ninja recebeu US$ 50 milhões da Microsoft para ir para Mixer, diz rumor

Informação sobre a ida de Ninja para a plataforma da Microsoft foi revelada pelo The Verge

Filipe Carbone
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/Mixer

Já era de se esperar que uma grande quantia de dinheiro estivesse envolvida na ida de Ninja para a Mixer. O streaming assinou um contrato de exclusividade com a plataforma no início do mês, saindo de vez da Twitch. Entretanto, um rumor levantado por Tom Warren, editor do The Verge, pode indicar por qual valor Ninja foi para a plataforma da Microsoft.

Segundo o editor, a Microsoft pagou US$ 50 milhões para conseguir levar o streamer. O valor corresponde a cerca de R$ 198 milhões, de acordo com a cotação atual. O valor pago para Ninja seria referente a um contrato a longo prazo, mas sem informar por quanto tempo.

Contudo, a jogada da Microsoft para atrair o astro pode não ser exclusivamente pensando no Mixer. Isso porque, de acordo com Warren, um dos principais motivos da empresa americana ter ido atrás de Ninja é para ele participar da divulgação de outros produtos.

Ou seja, a empresa quer utilizar a marca de Ninja para impulsionar a imagem da Microsoft. Assim, a ideia é que o streamer use a base de fãs para alavancar a venda de Xbox e serviços como o xCloud, por exemplo.

“Isso não se trata de vender consoles Xbox. É uma jogada pela plataforma xCloud. A Microsoft precisa do máximo possível de pontos de entrada para ela”, disse o editor.

LEIA MAIS

Jogador atinge 10 mil de MMR no Dota Underlords