Por que o Palmeiras não disputará o jogo mais importante do ano no Allianz Parque

Verdão terá o estádio do Pacaembu para a decisão contra o Grêmio nesta terça-feira pela Libertadores

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Allianz Parque

O Palmeiras vai enfrentar o Grêmio na noite desta terça-feira (27), às 21h30 (horário de Brasília), no jogo de volta das quartas de final da Copa Libertadores 2019, no estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP). Mas por que o clube paulista não vai jogar a partida mais importante da temporada até aqui em seu estádio, o Allianz Parque?

A opção por não jogar em “casa” foi do próprio Verdão para evitar problemas com o gramado do Allianz Parque, que no último final de semana recebeu dois grandes shows da dupla Sandy & Junior.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

Explicação: Desde 2014, quando foi reinaugurado, o Allianz é administrado pela WTorre, empresa que bancou toda a reforma da arena e tem o direito de explorar o local por 30 anos – até 2044.

A administradora do estádio tem tentado adequar os calendários das atrações artísticas com os jogos do Palmeiras, no entanto, algumas vezes o clube é obrigado a mudar de casa e atuar no Pacaembu por causa de outros compromissos já agendados com antecedência para o local, como é o caso na decisão contra o Grêmio desta terça.

Jogo poderia ser no Allianz

Em contato com o Torcedores.com, a assessoria de imprensa da WTorre revelou que clube e administradora chegaram a discutir uma mega-operação para que a partida fosse mantida no Allianz Parque – operações deste tipo já foram realizadas anteriormente -, mas no fim o Verdão decidiu mudar para o Pacaembu para evitar qualquer eventualidade.

Grêmio só jogou no Allianz uma vez

Uma curiosidade sobre a mudança é que não é uma novidade que os duelos recentes entre Palmeiras e Grêmio sejam disputados no Pacaembu.

Desde que o Allianz Parque foi inaugurado, no final de 2014, o Palmeiras só enfrentou o time gaúcho no local uma vez, em 2016, um empate por 1 a 1, que eliminou o Verdão na Copa do Brasil daquele ano.

Desde então, sempre jogaram no Pacaembu e o time paulista teve bom retrospecto – foram quatro jogos e quatro vitórias do time alviverde.

LEIA MAIS: