Renato defende planejamento, diz que não é mágico e dispara: “Grêmio não tem obrigação de vencer o Brasileirão”

Técnico gremista relembrou o pesado calendário que o time vem tendo envolvido em três competições distintas

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Site Grêmio

Após o empate em 3×3 com a Chapecoense nesta segunda-feira, na Arena, o técnico Renato Portaluppi voltou a defender o planejamento que vem sendo adotado pelo Grêmio no Brasileirão. O duelo contra os catarinenses foi o primeiro em que a equipe titular jogou pelo certame nacional após a Copa América e o rodízio seguirá ocorrendo nas próximas rodadas.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

É que o foco gremista neste momento, admitido pelo próprio clube, está nas competições mata-mata. Nas quartas da Libertadores, o rival será o Palmeiras, enquanto o Athletico é o oponente na Copa do Brasil. Por isso, Renato entende que o Grêmio “não tem obrigação” de ganhar o Brasileirão deste ano.

“Quem tem obrigação de disputar título são os clubes que estão em uma competição só. O Grêmio não tem obrigação nenhuma de ganhar o Campeonato Brasileiro. A gente tem de olhar os dois lados da moeda. Os clubes que disputam somente o Brasileiro têm a obrigação de ganhar, esses têm de ser cobrados. Você estar disputando três competições, é óbvio que o Grêmio vai tropeçar uma hora. A gente vai levando até onde der, mas não sei até onde o Grêmio vai no Brasileiro. Eu adoro o Brasileiro, mas também não sou mágico para colocar a mesma equipe em campo em todos os jogos”, comentou.

Ainda assim, o técnico garante que o Grêmio não está “deixando de lado” o campeonato:

“A fome é a mesma, é um título. Ninguém está deixando o Campeonato Brasileiro de lado, eu adoro o Campeonato Brasileiro. Tanto que eu pedi para o presidente mudar o jogo para segunda para usar o time titular e pontuar. Mas não tem como fazer mágica”.

Com o resultado desta segunda, o Grêmio fica em 13° com 17 pontos. No sábado, o rival será o Flamengo, no Rio de Janeiro.

LEIA MAIS:

Maicon se irrita e evita entrevistas após empate do Grêmio: “Estou de cabeça quente”

Edmundo chama a torcida do Inter de “espetacular” e se rende ao time: “Fiquei encantado”

Gol vadio? Narrador ganha a simpatia dos gremistas e admite: “É delicioso narrar o Grêmio”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram