Tremedeira nos músculos após os exercícios? Saiba quais são os principais motivos

Tremedeira nos músculos pode ser sinais de pontos positivos e negativos, de acordo com o Blog do Marcio Atalla

Jéssica De Paula Alves
Jornalista amapaense migrada em Belo Horizonte (MG). Nascida em março de 1990, é gremista e adora esportes desde a infância. Faixa branca em jiu-jitsu, também é fã de rock e ama unir suas paixões.

Crédito: Reprodução

Muita pessoas já passaram por essa situação. Durante uma série intensa de treinos, casa percebem que alguns músculos não param de tremer.  Então fica a dúvida se o caso é uma situação normal ou algo preocupante, em que é necessária uma avaliação médica.

O Blog do Marcio Atalla aborda o tema. Segundo o especialista, a tremedeira nos músculos pode ter alguns motivos. Ao analisar um vídeo da Gracyanne Barbosa, ele notou que as pernas da atleta tremiam durante o pesado treino. Neste caso, o tremor está  associada ao esforço enorme e ao fato de ela estar recrutando praticamente todas as fibras musculares a exaustão. O objetivo é provocar microlesões, que ativam a hipertrofia.

Mas há outros casos em que a tremedeira pode ser sinal de falta de força nos músculos. Ele aconselha que o ideal é que o atleta reduza a carga e conquistar a força muscular aos poucos. Pode ser ainda um quadro de overtraining, ou seja, você está pedindo mais do seu corpo que ele pode dar, e a sua performance começa a cair, e até mesmo pode haver perda de massa muscular.

No blog, Atalla finaliza que o ideal é que seja feita uma uma avaliação médica. Existe um chance de tremedeiras no corpo estarem ligadas a problemas neurológicos. A avaliação prpfissional tem o objetivo que o praticante se mantenha sempre bem, evita o mal-estar e proporciona mais qualidade de vida.

LEIA MAIS

Hipertrofia: Em tempos de boa forma e funcional, Wendy Tavares aposta nos músculos