Veja quanto o Flamengo já movimentou no mercado da bola em 2019

Levantamento feito pelo “Blog do Rodrigo Mattos” revela que Rubro-Negro movimentou quase meio bilhão de reais entre compras e vendas de jogadores

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores

Crédito: Alexandre Vidal /CR Flamengo

Considerado um dos clubes mais ricos do Brasil atualmente, o Flamengo busca equilibrar os gastos na contratação de reforços com a venda de outros atletas. Segundo levantamento feito pelo “Blog do Rodrigo Mattos“, o time carioca já movimentou ao todo R$ 468 milhões entre saídas e chegadas de novos jogadores em 2019.

Com gastos mais elevados em contratações no início da temporada, o Rubro-Negro chegou até o meio do ano com R$ 150 milhões utilizados – vieram Arrascaeta, Gabigol (por empréstimo) e Bruno Henrique entre outros. No entanto, recentemente o clube ainda comprou o meio-campista Gerson e o zagueiro Pablo Marí por 12 milhões e 1 milhão de euros, respectivamente. Desta forma, o valor com gastos chega a R$ 206 milhões.

Por outro lado, o time carioca contou com uma arrecadação de R$ 150 milhões até a metade da temporada com a grana das vendas de Lucas PaquetáJean Lucas e Henrique Dourado. Além disso, o zagueiro Léo Duarte foi negociado recentemente com o Milan-ITA por 11 milhões de euros, o que eleva o valor para R$ 261 milhões, ainda de acordo com o “Blog do Rodrigo Mattos“.

Novo investimento

Apesar de as contas aparentarem superávit, o fato é que o Flamengo contava com a venda de atletas para fechar as contas deste ano. Mesmo assim, o clube ainda segue na busca por reforços e o foco atual é a chegada de um centroavante.

O italiano Ballotelli é o nome da vez e o presidente Rodolfo Landim já admitiu negociação.

É um grande jogador, tivemos contato. Ele demonstrou interesse em jogar no Flamengo, mas ainda não foi nada além disse. É um grande jogador, mas tem muita água para correr debaixo dessa ponte“, disse o mandatário.

LEIA MAIS:

FLA É O CLUBE QUE MAIS LUCRA COM A BASE DESDE 2015; VEJA O TOP-10