Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Arsenal: Martin Keown critica Granit Xhaka como capitão da equipe

Martin Keown não gostou da decisão de nomear Xhaka como capitão. Ele sugeriu que Aubameyang deveria ganhar a braçadeira

Samuel de Brito
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Steve Bardens/Getty Images

Após as saídas dos experientes Koscielny, Aaron Ramsey, Petr Cech e Nacho Monreal na janela de transferências do verão, o espanhol Unai Emery se viu obrigado a escolher um novo líder para os gunners. Foi aí que Granit Xhaka assumiu a responsabilidade nesta temporada. Das oito partidas disputadas pelo Arsenal, ele foi o capitão em seis. Mas algumas atuações abaixo do que o suíço costuma render fez com que parte dos torcedores questionassem se ele deveria liderar a equipe dentro de campo.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Um desses torcedores é o ex-jogador do Arsenal, Martin Keown, que fazia parte do imbatível time na temporada 2003/04.

Em entrevista a rádio talkSPORT, ele disse que: “Este é um telefonema enorme e acho que talvez ele [Emery] tenha entendido errado. Isso realmente vai dividir os fãs. Há momentos em que Xhaka desaparece no meio-campo, ele recebe penalidades … ele deve ser um personagem incrível fora de campo!”

E continuou: “É surpreendente, principalmente como ele foi vaiado fora de campo há menos de uma semana. É uma decisão corajosa do gerente, ele o escolhe toda vez que está disponível, então acredita claramente no jogador, mas estou surpreso, devo dizer.”

Keown foi enfático ao citar que Xhaka pode perder a vaga de titular no time em breve: “Há outros nesse grupo, Lucas Torreira, Matteo Guendouzi, Dani Ceballos, que estão começando a progredir, por isso, se Xhaka ainda será um elemento permanente no time, eu fico surpreso com isso.”

A lenda dos gunners sugeriu que o gabonês seria o nome mais apropriado para liderar a equipe nesse momento, destacando sua regularidade: “Eu teria dado para Aubameyang, ele teria se encaixado muito bem. Isso poderia ter lhe dado um pouco mais de responsabilidade extra. Ele está indo muito bem no momento e está seguro no time, ele é regular”.

O Arsenal volta a campo na próxima segunda-feira, quando visita o Manchester United em Old Trafford às 16 horas. Daqui pra lá, se Emery não mudar de ideia, Xhaka deve ser novamente o capitão do time.

LEIA MAIS

Philippe Coutinho aproveita a Oktoberfest com os colegas do Bayern

Caso Griezmann: jornal espanhol critica sanção econômica contra o Barcelona