Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Brasil bate Camarões, vê Rússia cair diante dos EUA, e segue vivo na Copa do Mundo de vôlei feminino

O Brasil fez a sua lição, e venceu Camarões de forma convincente na madrugada dessa sexta-feira (27). Combinada a derrota da Rússia, as brasileiras seguem dependendo de si para lutar pelo bronze da Copa do Mundo de vôlei feminino

Andressa Fischer
Gaúcha, 22 anos | Escrevo sobre vôlei, futebol feminino e dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Divulgação/FIVB

Vendo a fragilidade do time camaronês, Zé Roberto aproveitou para dar rodagem à sua equipe, colocando todas as jogadoras para jogar. Exceto a líbero Leia dessa vez não atuou, e Camila Brait foi a escolhida da vez do treinador, reforçando o revezamento das líberos.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique aqui e se inscreva!

O Brasil passou o carro no primeiro set. Bem ajustado, fez 25/11 e abriu 1 x 0 de vantagem no jogo. Na parcial seguinte, o técnico brasileiro começou a mexer na equipe que começou a partida, trocou a capitã Fabiana por Bia, e Mara por Carol, e o time verde e amarelo seguiu comandando o duelo: 2 x 0 (25/11 e 25/18).

Para o terceiro set, Zé Roberto sacou Amanda para a entrada de Drussyla. Sem consistência no passe, foi a parcial em que as camaronesas deram mais trabalho, chegando a ficar dois pontos a frente do placar na segunda parada técnica: 14/16.

Brasil cumpre seu papel, vê Rússia tropeçar, e segue vivo na Copa do Mundo de vôlei feminino

Mas as brasileiras não perderam a lucidez no jogo, e retomaram a liderança do placar. A reação das adversários parou por ali mesmo, o Brasil fechou a parcial em 25/18, somou mais uma vitória e três pontos na briga pelo bronze da Copa do Mundo de vôlei feminino.

Em duelo paralelo, a Rússia enfrentou os EUA buscando a vitória para confirmar o terceiro lugar do torneio, e eliminaram as chances das brasileiras de sonharem com o pódio. Mas as norte-americanas que ainda sonham com o título, colocaram um freio nas russas no tie-break e venceram pro 3 x 2 (24/26, 25/22, 25/22, 25/17 e 15/8).

LEIA MAIS

Renato Gaúcho explica fala sobre idade de Jorge Jesus: “curioso por nunca ter escutado o nome dele”

Luan dá show e comanda atropelo do Grêmio sobre o Avaí na Arena