Brasil x Peru: jornal espanhol cita estreia “frustante” de Vinicius Jr pela seleção

Amistoso teve a presença do atacante do Real Madrid que entrou em campo no segundo tempo, ao substituir Richarlison

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 26 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Há mais de um ano no futebol espanhol, o atacante Vinicius Jr estreou pelo time canarinho, no amistoso Brasil x Peru desta quarta (11) que terminou 1 a 0 a favor dos peruanos. Abram decidiu o jogo, ao balançar as redes no minuto 40 do segundo tempo.

Ao todo, Vinicius Jr disputou quase 20 minutos de Brasil x Peru. O atacante do Real Madrid substituiu Richarlison, aos 29 da etapa final.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

O jornal espanhol Marca destacou o primeiro jogo do atleta pela seleção. “A frustrante estreia de Vinicius pela seleção: falha em voleio e derrota”, definiu o periódico.

Além disso, publicou sobre Eder Militão, zagueiro do Real Madrid que também disputou Brasil x Peru. “Lhe falta rodagem”, avaliou.

O AS, por sua vez, visou o futebol apresentado pelo jogador. “Em sua primeira jogada, Vinicius Jr avançou pela direita e lançou Neymar que caiu após dominar a bola”, iniciou.

“Vinicius seguiu tentando suas arrancadas e jogadas com Neymar, mas a retaguarda peruana defendeu bem”, acrescentou o AS.

O jornal ainda publicou que o atacante do Real Madrid perdeu a chance de empatar Brasil x Peru. “Um dia que deveria ser uma lembrança alegre para Vinicius Jr, ao final acabou com um gosto agridoce”, finaliza.

O jornal francês L’equipe falou sobre Neymar. O atacante do PSG iniciou a partida no banco de reservas.

“Saudado pelos torcedores peruanos, tão numerosos e barulhentos quanto os brasileiros, ele fez o estádio vibrar ao entrar em campo”, publicou.

Leia também:

Casemiro elogia Vinicius Jr e diz que jogador já deve pensar em ser o melhor do mundo

Vinicius Jr sobre jogar com Neymar na seleção: “sonho realizado em poder jogar ao lado do meu ídolo”