CS:GO: Coldzera pode se juntar a 100 Thieves, diz CEO da CR4ZY

O CEO da Cr4zy, Antonio Meic, disse que a 100 Thieves pode oferecer um milhão para Coldzera se juntar ao novo time da organização

Pietro Cardoso
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/ESL

A novela do próximo time de Marcelo “coldzera” David ganhou mais um capítulo nesta terça-feira (03). O motivo foi uma entrevista do CEO da Cr4zy, Antonio Meic, revelando que a organização 100 Thieves quer contar com coldzera em sua nova line-up de CS:GO (via HLTV).

Durante uma longa entrevista ao site, Meic falava sobre a faixa de preço entre os jogadores do cenário e sobre o jogador huNter. O CEO explica que o mercado trabalha com valores de €50,000 e €1,000,000, variando entre jogadores comuns até jogadores ótimos e com fama.

No meio da resposta, Meic revelou a intenção da 100Thieves em ter o brasileiro em seu time. “Escutei rumores de coldzera se juntando a 100 Thieves por um milhão de dólares, quem sabe? Eu sei que a 100 Thieves tem dinheiro para pagar esse preço, mas não sei se eles o farão”.

Os rumores também apontam a FaZe Clan como a provável casa nova do astro. No entanto, o destino de Coldzera deve ser revelado após o Major de Berlim.

Coldzera pediu para ser transferido no começo de julho. O Made in Brazil, por sua vez, colocou o jogador na reserva e atuou com o treinador zews no lugar, inclusive no StarLadder Berlim Major (MIBR eliminado).

O StarLadder Berlin Major 2019 acontece até o dia 8 de setembro, na Alemanha; a fase eliminatória será realizada na Mercedes-Benz Arena. O torneio distribuirá US$ 1 milhão (mais de R$ 4 milhões) de premiação total.

LEIA MAIS